Confraria Floydstock

sexta-feira, 2 de abril de 2021

Butcher Babies libera "Last Dance", 4º single de seu vindouro EP; ouça

"Last Dance" integrará o vindouro EP da banda Butcher Babies, ainda inominado e sem gravadora revelada, que chegará no 1º semestre de 2021.

Butcher Babies libera clipe de "Yorktown", 3º single de seu vindouro EP; assista.

Butcher Babies libera clipe visceral de "Sleeping With The Enemy", 2º single de seu vindouro EP; assista.

Heidi lembra: "Enquanto escrevia "Last Dance", fui trazida de volta à memória na faculdade, onde alguns de meus amigos e eu costumávamos dirigir até o cânion no sul de Utah, deitar no capô de nossos carros e olhar para o alto  estrelas. Discutíamos os diferentes caminhos que queríamos seguir na vida. Como jovens adultos, sonhávamos com o futuro. Não vejo a maioria desses amigos há mais de uma década e muitas vezes me pergunto se aquelas noites sonhando sob as estrelas sempre passaram por suas mentes. Eu olho para trás para essa memória com carinho, pois esses amigos apoiaram muito em tudo e cada um de nós. Eles foram algumas das primeiras pessoas a me apoiar nas esperanças e sonhos da música. Esta música,  para mim, foi sobre recriar aquele momento todos esses anos depois. Isso é uma ode a você; John, Mikey e Kim."

Ouça "Last Dance" no player abaixo:


Sequencialmente assista ao clipe de "Bottom of Bottle", divulgada anteriormente:

quinta-feira, 1 de abril de 2021

Assista ao clipe de “Vanity”, faixa-título do álbum de estreia de Marialena

Vanity” dá nome ao álbum de estreia de Marialena Trikoglou, que chegara recentemente.

Marialena Trikoglou libera clipe de "The Promise", cover do Within Temptation que integra seu álbum de estreia; assista.

Quer anunciar sua banda/artista/eventos/notícias/produtos musicais na Confraria?
Mande seu material para confrariafloydstock@gmail.com

Assista ao clipe no player abaixo:

Ouça o álbum na íntegra:

Guitars : Panagiotis Leontaritis

Keys : Constantine Koutitsas

Bass : Sverd T. Soth

Drums : Symeon Sanidas

Special thanks to the beautiful dancers Danai Trikoglou and Alexandra Panagiotopoulou

quarta-feira, 31 de março de 2021

Imperia lança clipe de "To Valhalla I Ride", canção de seu novo álbum; assista

"To Valhalla I Ride" integra "The Last Horizon", 6º álbum de estúdio da banda Imperia, que chegara no dia 26 de março último, via Massacre Records.

Assista ao clipe no player abaixo:

Confira também o clipe de "Starlight", divulgado anteriormente.

Ouça o álbum na íntegra:

Tracklist:

01. Dream Away

02. Starlight

03. To Valhalla I Ride

04. Flower And The Sea

05. Blindfolded

06. While I Am Still Here

07. Only A Dream

08. Where Are You Now

09. I Still Remember

10. Dancing

11. My Other Half

12. One Day

13. I Send You My Love

14. Let Down (Piano Version)

A Banda:

Helena Iren Michaelsen - Vocals

Jan Örkki Yrlund - Guitars

Gerry Verstreken - Bass

Merijn Mol - Drums

Black Sabbath - Tony Iommi: "Eu não acho que o rock vai morrer"

O pai do metal respondera às reiteradas afirmações de Gene Simmons

Por anos, Gene Simmons do KISS expressou sua opinião, em várias ocasiões diferentes - de que “o rock está morto”. Em um artigo na revista Esquire em 2014, o baixista e cantor cuspidor de sangue forneceu citações como “Rock está finalmente morto” e “A morte do rock não foi uma morte natural. Rock não morreu de velhice. Foi assassinado.” No entanto, a lenda do rock Tony Iommi tem uma opinião diferente sobre o estado da música rock.

Black Sabbath e King Crimson - Tony Iommi sobre Robert Fripp e Toyah Wilcox: "Eu acho que eles enlouqueceram".

No início deste ano, Simmons reiterou sua afirmação de que “o rock está morto” em uma entrevista ao Gulf News e, em seguida, explicou totalmente sua teoria em uma entrevista à Heavy Consequence. Ele nos contou, entre outros motivos:

Aquele garoto que morava no porão da mãe decidiu um dia que não queria pagar pela música. Ele queria baixar e compartilhar arquivos. E foi isso que acabou com as chances da próxima geração de grandes bandas. O fato de a música ser gratuita. Então, hoje em dia, novas bandas não têm chance.

Ele também acrescentou:

A questão é, sim, o rock está morto porque se jogarmos o jogo de 1958 até 1988, que é 30 anos, você teria Elvis, The Beatles, Stones, Pink Floyd e assim por diante. E você pode ir para a parte pesada, que é o Metallica, o Maiden, se você quiser colocar o KISS aí, tudo bem. AC / DC, etc. Até U2, Prince, Bowie, Eagles. E então você começa as coisas disco, e Madonna, e essas coisas, e Motown, é claro. E então, de 1988 até hoje, quem são os novos Beatles?

Heavy Consequence também conversou recentemente com o guitarrista do Black Sabbath Tony Iommi, considerado por muitos como o “pai do heavy metal”. Quando perguntamos a ele o que ele pensava sobre Simmons dizendo repetidamente "o rock está morto", Iommi nos disse: 

"Eu não acho que o rock vai morrer. Isso tem sido dito há anos. Quer dizer, quantas vezes eu já ouvi essa afirmação nos últimos 50 anos? É bastante, realmente.

Ele continuou:

Acho que a boa música não vai acabar. Sempre haverá um mercado para isso. Haverá uma quantidade de bandas que cairão no esquecimento, como sempre há, sempre haverá. Mas há certas bandas que vão se destacar e vão estar lá. Você tem o Metallica aí, eles não vão desaparecer. Eles têm muitos fãs e uma ótima base de fãs. Existem muitas bandas por aí. Não, a música não vai embora.

Via Heavy Consequence.

Anneke van Giersbergen prova que é virtualmente "imparável"

A instituição nacional neerlandesa Anneke van Giersbergen lançara seu último álbum solo ‘The Darkest Skies Are The Brightest’ em 26 de fevereiro último.

É claro que Covid quer dizer que, como o resto do mundo da música, a inconstante Sra. Van Giersbergen não pode fazer sua mala e viajar pelo mundo para promover o álbum, então a única opção agora é um evento online.

Anneke van Giersbergen - Show de lançamento do álbum virtual "The Darkest Skies".

Transmissão inicial: 28 de março de 2021.

Anunciado como uma experiência de lançamento de álbum virtual, isso foi mais do que o tipo padrão de transmissão acústica ao vivo que nós, fãs de música, nos acostumamos demais a ver no ano passado. Houve uma mistura de músicas acústicas pré-gravadas ao vivo, videoclipes e uma variedade de ingressos disponíveis, que vão desde o acesso à transmissão por alguns dias, até músicas bônus e até um bate-papo online com a própria estrela.

Um ano assistindo música ao vivo sentado na minha sala de estar me deixou cansado do formato, então eu estava um pouco nervoso ao sintonizar a transmissão ao vivo inicial para ver se isso era algo que o famoso carisma de Anneke poderia superar.

Houve uma curta introdução falada e, em seguida, entramos direto na nova música ‘Soul Knows’.

Confortavelmente instalada em uma bela e falsa sala de estar, a natureza despojada dessa performance funcionou lindamente.

O som estava maravilhosamente bem mixado, então todas as nuances daquela linda voz e seu frequentemente esquecido toque de violão estavam lá para serem ouvidos.

Anneke van Giersbergen e seu filho, Finn

Um Assunto de Família:

O formato logo ficou claro que cada música seria introduzida com uma rápida captura de tela do título e apresentada quase como pequenas vinhetas. Cada uma das novas canções se encaixava bem no formato, com destaque para uma versão de "Losing You", onde ela teve o apoio de seu filho Finn, de dezesseis anos. O olhar entre eles durante seu solo bem executado foi simplesmente alegre de se ver.

As outras apresentações acústicas incluíam faixas de seu extenso catálogo anterior, como uma maravilhosa versão de "Strange Machines" do The Gathering com base em ukelele e uma versão inesperada de "Mental Jungle" do álbum "Drive".

Esta talentosa senhora pode tocar qualquer tipo de música que for, então o cover encantador de 'Like A Stone' do Audioslave é algo que eu já ouvi ela fazer antes, mas 'Starless' do King Crimson foi uma virada à esquerda que eu não esperava, e foi uma volta fabulosa. Coisas impressionantes.

Juntamente com as apresentações acústicas, vídeos de músicas de ‘The Darkest Skies….’ foram incluídos, embora eu ache que apenas ‘The End’ ainda não estivesse disponível para visualização no YouTube.


Interação com os fãs:

Como se tratava de um evento pré-gravado, vi que a própria Anneke foi capaz de interagir com os fãs no recurso de bate-papo que acompanha, o que achei um toque legal.

O show de uma hora terminou com um comentário de nosso anfitriã.

Ela é uma expoente brilhante da performance acústica ao vivo, de uma raça rara que consegue prender sua atenção apenas com um violão e uma voz. Este evento apareceu pela tela aqui, de forma que eu definitivamente me senti envolvido e que estava fazendo mais do que apenas assistir a um computador.

Eu senti falta dela no bate-papo e esperava que pudéssemos ter conseguido alguns detalhes dela sobre como as novas músicas foram escritas e seus antecedentes e assim por diante. Acho que teremos que esperar até a turnê real.

Mais uma vez Anneke van Giersbergen mostrou que é simplesmente uma das melhores performers ao vivo da música, mesmo quando limitada ao mundo virtual. Ela é imparável.


Tracklist:

The Soul Knows
1000 Miles
Agape (music video)
Like a Stone (AUDIOSLAVE cover)
Lo & Behold
I Saw a Car (music video)
Losing You
Hurricane (music video)
Love You Like I Love You
Strange Machines (THE GATHERING)
Starless (KING CRIMSON cover)
The End (music video)
Mental Jungle
Weary