head> Confraria Floydstock: peter gabriel
Mostrando postagens com marcador peter gabriel. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador peter gabriel. Mostrar todas as postagens

sexta-feira, 18 de novembro de 2022

Genesis: “The Lamb Lies Down On Broadway” encerra a fase Peter Gabriel com chave de ouro

Uma conquista digna de uma coroação para a banda.

Um álbum conceitual completo, o Genesis fez todas as paradas para seu sexto LP de estúdio “The Lamb Lies Down on Broadway”. É enorme, elaborado e ambicioso. No entanto, foi o disco final do frontman Peter Gabriel na banda. Este LP serve como o canto do cisne da formação clássica da banda de Gabriel, Tony Banks, Phil Collins, Mike Rutherford e Steve Hackett e eles nunca produziriam nada desse calibre novamente.

The Lamb Lies Down on Broadway” é o culminar de sua visão artística. É misterioso e um pouco estranho, mas é fascinante do mesmo jeito. Tem rock, tem jazz e, claro, tem o gosto de Gabriel pelo teatro. A história segue um porto-riquenho chamado Rael que experimenta uma série de eventos bizarros e conhece várias pessoas ao longo do caminho.

As sessões foram particularmente estressantes para Gabriel, que insistiu que ele fosse o único a escrever as letras, mas ele nem sempre estava presente porque tinha que ir e voltar desde que sua esposa Jill teve problemas com a gravidez e continuou mesmo após o nascimento de sua filha, Anna-Marie.

The Lamb Lies Down On Broadway” tem seu quinhão de falhas e, às vezes, parece que está em todo lugar. Mas a composição e execução são absolutamente gloriosas. Cada membro do Genesis brilhou e as músicas podem ser variadas e diversas, mas há muitas joias para serem encontradas aqui - de números de jazz a roqueiros atrevidos.

Os destaques são "Carpet Crawlers", "The Lamb Lies Down on Broadway" e "In The Cage":

"Carpet Crawlers";

Uma canção assombrosamente bela, esta parte é onde Rael se encontra em um “corredor vermelho ocre” e ao seu redor, as pessoas estão rastejando em direção a “uma pesada porta de madeira”. É mágica e poderosa.

"The Lamb Lies Down on Broadway";

Essa é do lado pop-rock e como as outras músicas do LP, é hipnótica. Exige toda a atenção do ouvinte.

"In The Cage";

Uma das duas músicas do LP com mais de oito minutos, tão longa quanto maravilhosa.

The Lamb Lies Down On Broadway” encerra a era Peter Gabriel com chave de ouro.

Via SOCIETY OF ROCK.

domingo, 13 de novembro de 2022

Peter Gabriel lançará novo álbum e fará turnê em 2023

Pelo confrade Vinício Meirinho.

Os shows na Europa começarão em Cracóvia, Polônia, em 18 de maio de 2023, com datas na Itália, França, Alemanha, Dinamarca, Suécia, Noruega, Holanda, Bélgica, Suíça e Reino Unido antes de terminar em Dublin, Irlanda, em 25 de junho de 2023.

A turnê continuará na América do Norte no final do verão/outono.

Em i/o The Tour veremos Gabriel tocando novo material de seu próximo álbum i/o , além de mergulhar em seu extenso catálogo de músicas, com sucessos, favoritos dos fãs e o "inesperado". Nos shows, Gabriel será acompanhado pelos seus fiéis companheiros de banda Tony Levin, David Rhodes e Manu Katché mas sempre poderemos ter surpresas.

Peter Gabriel disse sobre a turnê: “Já faz um tempo que não nos apresentamos e agora estou cercado por um monte de músicas novas e estou animado e ansioso para levá-las de volta a estrada.

Podemos pensar no "inesperado" já que nada mais sabemos sobre a turnê e o álbum?

Sobre a apresentação podemos sem dúvida contar com a Teatralidade natural a Gabriel. Não acredito em algo muito tecnológico a nível de palco ainda mais nos obscuros tempos atuais. Porém eu tive um sonho ...

Neste sonho eu vi contribuições inéditas com pessoas inesperadas. No álbum duas músicas em colaboração com a compositora e cantora islandesa Bjork e uma com o baterista Stewart Copeland ex Police que já colaborou com Peter no passado.

Porém a surpresa maior será nas apresentações, de acordo com o meu sonho. Bjork aparecerá como convidada especial nas duas músicas em que colaborou. Também será uma surpresa a música brasileira "Águas de Março" muito admirada por ambos em que farão um dueto e com a participação especial de Thijs van Leer do Focus emulando Tom Jobim na flauta porém com uma percussão bem afro os acompanhando.

Posso sonhar com algo assim ? Outros poderão ter outros sonhos. Na música progressiva o inusitado e o inesperado sempre estará presente.

quinta-feira, 9 de junho de 2022

Peter Gabriel lançará primeiro álbum de inéditas em 20 anos

Baterista Manu Katché também diz que fará turnê com Gabriel em 2023.

Peter Gabriel deve lançar seu primeiro novo álbum em 20 anos este ano, antes de fazer uma turnê em 2023, de acordo com seu baterista.

A notícia vem depois que Gabriel disse à NME no mês passado que ele “tem muitas músicas que estou tentando terminar” e “espera ter algo até o final do ano”.

Falando ao L’Illustré em uma nova entrevista, o baterista de longa data de Gabriel, Manu Katché, disse que a banda está “terminando nosso novo álbum” e o lançará em uma turnê mundial no próximo ano.

Em 2020, Gabriel também falou sobre o progresso em novas músicas, dizendo ao Uncut: “Estou animado com o que está sendo preparado no momento, fiquei bastante lento pelo lockdown, não conseguimos ter Dickie meu engenheiro aqui, mas eu tenho músicas suficientes que eu gosto para fazer um disco do qual me orgulho.

Questionado se um álbum chegaria em breve, ele respondeu: "Dependeria de como você define 'em breve', mas a resposta é sim!"

Gabriel também contribuiu recentemente para o mais recente e aclamado álbum do Arcade Fire, 'WE', emprestando os vocais para a música 'Unconditional II (Race and Religion)'.

Achei que eles eram uma ótima banda e eles me perguntaram”, disse Gabriel à NME sobre como surgiu a colaboração. “Essa é a verdade simples sobre isso. Regine [Chassagne, keys] cresceu em Montreal, então foi exposta a muito da minha música. Eles são ótimos escritores e foi muito divertido e interessante ver como outras pessoas trabalhavam.

O cantor também esteve no The O2 em Londres, para assistir ao show final de sua ex-banda Genesis no início deste ano.

Via NME.

quarta-feira, 20 de abril de 2022

Peter Gabriel nos bastidores após o show final do Genesis

O baterista do Genesis, Nic Collins, revelou o que aconteceu quando Peter Gabriel foi aos bastidores após o último show da banda.

Gabriel, que deixou os gigantes do pop-prog em 1975, estava na plateia em Londres no mês passado quando a formação liderada pelo pai de Nic, Phil Collins, fez sua última reverência.

Foi estranho”, disse Nic Collins à Rolling Stone sobre os momentos que se seguiram. “Achei que ficaria um pouco mais emocionado e triste, mas fiquei feliz. Foi um ótimo show. Foi uma ótima maneira de terminar. Depois, nos trocamos e jantamos e todos estavam lá. ... Foi apenas uma grande vibração. Todo mundo estava saindo. Tivemos sorte que era o fim da turnê, então a coisa do COVID não precisava ser uma precaução para nós. ... Nós finalmente conseguimos ter pessoas nos bastidores e realmente sair. Durante toda a turnê, não conseguimos fazer nada assim. No último show, foi ótimo ver todos juntos e ouvir as pessoas compartilhando memórias.

Ele revelou que foi a primeira vez que conheceu Gabriel: “Ser capaz de finalmente falar com alguém que eu conhecia só de longe e de ouvir falar, que teve um impacto tão grande na vida do meu pai e obviamente na minha… Peter Gabriel era… finalmente poder falar com ele foi muito bom.

Collins disse que Gabriel disse a ele que "foi um grande show. Ele disse que estava feliz por estar lá, pois era importante para ele também. Ele saiu em 1975 e nunca olhou para trás. Ele nunca se escorou no material do Genesis. Ele teve uma carreira solo muito, muito bem sucedida. Mas foi ótimo para ele estar lá. Ele disse: 'Este é o fim de algo de que eu fazia parte. extensivamente e atualizado sobre todos os seus bons momentos. Foi muito bom ver.

Via UCR.

terça-feira, 29 de março de 2022

Genesis: o último concerto (com a presença de Peter Gabriel na plateia); Veja vídeos

A lendária banda britânica de rock progressivo Genesis fez seu último show de acordo com o cantor e baterista Phil Collins, que disse no final de seu show no dia 26 de março último, em Londres: “Esta noite é uma noite muito especial. Claro, vamos tocar em Londres. É a última parada da nossa turnê e é o último show do Genesis. É difícil para nós acreditar que, uh, você ainda veio nos ver! Sim, depois desta noite todos nós temos que conseguir empregos de verdade."

Houve também um convidado especial na platéia, o ex-vocalista do Genesis Peter Gabriel e Phil Collins até tirara sarro disso, dizendo: “Talvez seja ele quem esteja gritando por ‘Supper’s Ready’. Não sei!"

Durante sua carreira ativa de 1967 a 2000, o Genesis lançou 15 álbuns de estúdio. A formação de maior sucesso com Tony Banks (teclados), Mike Rutherford (guitarra) e Phil Collins (bateria e vocais) se reuniu para turnês de 2006 a 2007 e de 2020 a 2022. As bandas continuam sendo um dos grupos mais vendidos de sempre com mais de 150 milhões de discos vendidos em todo o mundo. Os discos que mais venderam cópias são os feitos na era de Phil Collins nos vocais, quando a banda fazia um som menos Prog Rock misturando o gênero com o Pop Rock.

Via Rock And Roll Garage.

Assista alguns vídeos e veja o setlist do último show do Genesis:

1. “Behind the Lines’ / “Duke’s End”

2. “Turn It On Again”

3. “Mama”

4. “Land of Confusion”

5. “Home By the Sea”

6. “Second Home By the Sea”

7. “Fading Lights” (part)

8. “The Cinema Show” (part)

9. “Afterglow”

10. “That’s All” (acoustic)

11. “The Lamb Lies Down on Broadway” (acoustic)

12. “Follow You Follow Me” (acoustic)

13. “Duchess”

14. “No Son of Mine”

15. “Firth of Fifth”

16. “I Know What I Like (In Your Wardrobe)”

17. “Domino”

18. “Throwing It All Away”

19. “Tonight, Tonight, Tonight” (part)

20. “Invisible Touch”

Bis:

21. “I Can’t Dance”

22. “Dancing With the Moonlit Knight” (part)

23. “The Carpet Crawlers”