Confraria Floydstock: music
Mostrando postagens com marcador music. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador music. Mostrar todas as postagens

segunda-feira, 21 de junho de 2021

Anette Olzon celebra seus 50 anos com clipe de música nova; assista

Parasite" integra "Strong", 2º álbum solo da vocalista Anette Olzon (Nightwish, The Dark Element, Allen/Olzon), que chegará no dia 10 de setembro próximo, via Frontiers Music Srl.

Parasite é uma música sobre aqueles que criam desastre neste mundo com suas mentiras, seus esquemas, sua ganância e ódio. Escondendo suas intenções por trás de uma fachada respeitável. Viver em um mundo um pouco caótico com uma pandemia, política maluca, violência, comportamento nas redes sociais e pessoas expondo suas opiniões sobre os outros o tempo todo é a base por trás da ideia das letras do álbum. Musicalmente, eu queria um álbum muito mais pesado, mas com melodias fortes, e me inspirei em bandas que gosto, como Dimmu Borgir e In Flames” - explica Anette.

A canção, que chega na ocasião em que Anette celebra seus 50 anos de vida, fora composta em parceria com o guitarrista e produtor sueco, compatriota de Anette, Magnus Karlsson, que integra o line up do álbum.

Tracklist:

1 Bye Bye Bye

2 Sick of You

3 I Need to Stay

4 Strong

5 Parasite

6 Sad Lullaby

7 Fantastic Fanatic

8 Who Can Save Them

9 Catcher of My Dreams

10 Hear Them Roar

11 Roll the Dice

A Banda:

Anette Olzon – vocal

Magnus Karlsson – guitarra

Johan Husgafvel – baixo

Anders Köllerfors – bateria

sexta-feira, 18 de junho de 2021

The Pretty Reckless lança clipe de “Only Love Can Save Me Now”; assista

Only Love Can Save Me Now” integra "Death By Rock and Roll", 4º full-lenght da banda The Pretty Reckless, que chegara no dia 12 de fevereiro último, via Century Media Records / Fearless Records (EUA).

A faixa conta com as colaborações de Matt Cameron and Kim Thayil, ambos do Soundgarden.

The Pretty Reckless libera clipe de "And So It Went", canção de seu novo álbum, com Tom Morello; assista.

The Pretty Reckless libera clipe de "25", canção de seu novo álbum; assista.

The Pretty Reckless lança clipe de "Broomsticks", seu single de Halloween. Assista.

Assista ao clipe no player abaixo:

Ouça o álbum na íntegra:

Tracklist:

1. Death By Rock And Roll
2. Only Love Can Save Me Now
3. And So It Went
4. 25
5. My Bones
6. Got So High
7. Broomsticks
8. Witches Burn
9. Standing At The Wall
10. Turning Gold
11. Rock And Roll Heaven
12. Harley Darling

Edge of Paradise lança clipe para o single "Digital Paradise"; assista

Canção é o 1º trabalho inédito desde o álbum "Universe", de 2019 e deve integrar o vindouro álbum da banda, que chegará via Frontiers Music.

Assista ao clipe no player abaixo:

Jinjer libera clipe de "Vortex", canção de seu novo álbum; assista

"Vortex" integra "Wallflowers", novo álbum da banda Jinjer, que chegará no dia 27 de agosto próximo, em diversos formatos, via Napalm Records.

"A faixa, assim como o álbum, são as experiências mais intensas, frenéticas e pessoais que gravamos até agora, e podemos dizer honestamente, sem dúvida, da música ao visual, que este é o melhor material que temos escrito até agora. Estamos muito animados em compartilhar isso com você." - disse a banda em nota.

Assista ao clipe no player abaixo:

Tracklist:

01 Call Me a Symbol

02 Colossus

03 Vortex

04 Disclosure!

05 Copycat

06 Pearls and Swine

07 Sleep of the Righteous

08 Wallflower

09 Dead Hands Feel No Pain

10 As I Boil Ice

11 Mediator

Ouça "Death Turns a Blind Eye", novo single do Mortemia (feat. Marcela Bovio)

"Death Turns a Blind Eye", novo single do Mortemia, projeto paralelo de Morten Veland, guitarrista e líder do Sirenia, chegara hoje, e contando com a participação especial da frontwoman do Dark Horse White Horse, Marcela Bovio, que também integra o MaYan e Ayreon.

Esta é a segunda canção do projeto. A primeira foi "The Enigmatic Sequel", trazendo como convidada a frontwoman do Eleine, Madeleine Liljestam e você pode conferir sobre no link abaixo.

Ouça "The Enigmatic Sequel", novo single do Mortemia (feat. Madeleine Liljestam, do Eleine).

Sirenia lança lyric video de "This Curse Of Mine", canção de seu novo álbum; assista.

Sirenia: entrevista exclusiva com a vocalista Emmanuelle Zoldan / exclusive interview with vocalist Emmanuelle Zoldan.

Este é o 1º trabalho do projeto desde o álbum único "Misere Mortem" (2010).

"Conheço Marcela há mais de uma década e ela é definitivamente uma das minhas cantoras favoritas no gênero, ela tem um alcance vocal impressionante, ótima interpretação, um nervo presente e uma técnica incrível. Trabalhar neste projeto até agora tem sido uma jornada incrível para mim, e me sinto verdadeiramente privilegiado por ter Marcela a bordo deste projeto. Estou realmente ansioso para compartilhar essa música com todos vocês." - disse Veland em nota.

Ouça no player abaixo:

quarta-feira, 16 de junho de 2021

Counting Crows lança curta-metragem de EP “Butter Miracle, Suite One”

Lançamento da BMG, EP é a primeira novidade da banda em 7 anos

Quer anunciar sua banda/artista/eventos/notícias/produtos musicais na Confraria? Mande seu material para confrariafloydstock@gmail.com

Counting Crows está de volta com “Butter Miracle,  Suite One”, um EP composto como uma espécie de sinfonia pop de nossos tempos e contando uma história. Isso fica explícito no curta-metragem que dialoga com essa narrativa lançado pela banda. Com direção de Bill Fishman (do filme “Tapeheads” e que assina vídeos do Ramones, Wilco e Decemberists), o filme é estrelado pelo ator Clifton Collins Jr., conhecido por seus trabalhos em “Westworld”, “Ballers”, “Era Uma Vez Em... Hollywood”, “Veronica Mars” e que se destacou no último Sundance Film Festival com o longa “Jockey”.

Counting Crows tem mais de 20 milhões de álbuns vendidos no mundo todo e teve a carreira catapultada pelo seminal álbum “August and Everything After”, de 1993. Com hits globais como “Mr. Jones”, “A Long December”, “Big Yellow Taxi” e a faixa indicada ao Oscar “Accidentally in Love”, a banda californiana busca um novo caminho em seu mais recente EP lançado via BMG, composto de um modo que as canções fluam de uma música para outra, sem interrupções.

Enquanto escrevia o final de ‘The Tall Grass’, fiquei tocando os dois principais acordes para frente e para trás por um tempo, apenas curtindo a maneira como a música terminava em um loop. Por capricho, mudei os acordes e me vi cantando uma melodia diferente. As palavras simplesmente vieram direto à minha cabeça e percebi imediatamente que era o começo de uma música diferente. Foi quando me ocorreu que eu poderia escrever uma série de músicas, cada uma tocando perfeitamente a anterior e fluindo juntas como uma longa música. Uma suíte. Depois que pensei nisso, era tudo o que eu queria fazer”, conta o vocalista Adam Duritz.

Assista ao lyric video de “Elevator Boots”:

Com produção musical de Brian Deck (Iron & Wine, Modest Mouse, The Shins), o projeto foi completamente composto ainda no começo de 2019, antes da pandemia, em uma fazenda remota no interior do Reino Unido e traz uma banda com vigor renovado.

Eu fiquei realmente exausto com a indústria da música algumas vezes na minha carreira, e muito deprimido com o que significa estar neste meio. Eu me senti assim novamente depois de alguns anos de turnê com o nosso último disco ‘Somewhere Under Wonderland’. Nenhuma razão específica real: o negócio da música é simplesmente muito feio às vezes e eu fico desiludido. Esse é um sentimento que vem e vai. Pensei muito nisso quando comecei a escrever esta suíte porque, por mais que odeie o mundo da música, ainda amo música de verdade e queria escrever sobre isso de algumas perspectivas diferentes, especificamente em 'Elevator Boots'. A faixa conta a história de um cara em uma banda e sua vida se passa entre diferentes cidades e diferentes amantes. É sobre ele passar a vida fazendo algo que significa tudo para ele, mesmo sabendo quando partes disso não são realmente ideais. A música veio até mim muito rápido e então eu simplesmente vaguei pela fazenda cantando para mim mesmo com meu telefone para fazer anotações. Depois de ter a música, o resto demorou muito pouco tempo”, revela Duritz.

Butter Miracle,  Suite One” já pode ser ouvido em todos os serviços de música digital.

Assista ao curta-metragem:

Ouça “Butter Miracle,  Suite One”: https://countingcrows.lnk.to/ButterMiracleSuiteOne

Ficha Técnica:

Diretor: Bill Fishman

Estrelando: Clifton Collins Jr., Josefine Lindegaard e Michael John Maclane

Produção de elenco: Kasia Szarek

Editor: Michael Yanovich, A.C.E

Fotografia:  Cody William Smith

Produção: Melissa Masquelier

Co-produção: Dawn Church

Produção executiva: Doug Dearth e Bill Fishman

Roteiro: Bill Fishman

Uma realização da Fallout Entertainment Inc.

Therion libera clipe de "Eye Of Algol", canção de seu novo álbum; assista

"Eye Of Algol", integra "Leviathan", novo álbum do Therion, que chegara dia 22 de janeiro último, em diversos formatos, via Nuclear Blast.

Therion lança o novo álbum, "Leviathan" e libera clipe de "Tuonela", com Marko Hietala (ex-Nightwish); ouça e assista.

Therion libera clipe de "Die Wellen der Zeit", canção de seu novo álbum; assista.

Detalhes de "Leviathan". novo álbum do Therion. Assista ao lyric video da faixa-título.

À Venda.

Assista ao clipe de "Eye Of Algol" no player abaixo:

Ouça o álbum na íntegra:

Tracklist:

01. The Leaf on the Oak of Far

02. Tuonela (feat. Marco Hietala)

03. Leviathan

04. Die Wellen der Zeit

05. Aži Dahāka

06. Eye of Algol

07. Nocturnal Light

08. Great Marquis of Hell

09. Psalm of Retribution

10. El Primer Sol

11. Ten Courts of Diyu

12. Eye of Algol (alternative vocals version)

13. Tuonela (full Marco vocals version)

14. Tuonela (alternative vocals version)

15. Tuonela (instrumental version)

16. Tuonela (orchestral version)

Vocais:

1. The Leaf of the Oak of Far -Thomas/Rosalía

2. Tuonela - Thomas/Marko Hietala/Taida Nazraić

3. Leviathan - Lori/Chiara (na nota final)

4. Die Wellen der Zeit - Taida Nazraić

5. Aži Dahāka - Thomas/Chiara

6. Eye of Algol - Rosalía

7. Nocturnal Light - Thomas/Lori/Chiara

8. Great Marquis of Hell - Thomas/Lori (nos corais)

9. Psalm of Retribution - Mats Léven/Thomas/Lori

10. El Primer Sol Thomas/Rosalía (inclusive em espanhol)

11. Ten Courts of Diyu - Noa Gruman/Taida Nazraić/Thomas

- Compositores:

Christofer (Tuonela, Leviathan, Aži Dahāka)

Christofer e Thomas (The Leaf of the Oak of Far, Eye of Algol, Great Marquis of Hell, Psalm of Retribution, El Primer Sol)

Thomas (Nocturnal Light, Ten Courts of Diyu)

Nalle (Die Wellen der Zeit)

- Vocais convidados:

Hellscore (Corais)

Marko Hietala

Mats Levén

Noa Gruman

Taida Nazraić

- Bateria (convidados):

Björn Höglund (The Leaf of the Oak of Far, Tuonela, Leviathan, Eye of Algol, Great Marquis of Hell, Psalm of Retribution)

Snowy Shaw (Die Wellen der Zeit, Aži Dahāka, Nocturnal Light, El Primer Sol, Ten Courts of Diyu)

- Arranjos orquestrais:

Fabio Amurri

- Letras:

Per Albinsson

- Therion é:

Christofer Johnsson - Guitarra

Christian Vidal - Guitarra

Nalle Påhlsson- Baixo (estúdio)

Thomas Vikström - Vocais

Rosalía Sairem - Vocais

Chiara Malvestiti - Vocais

Lori Lewis-Perkis - Vocais (estúdio)

terça-feira, 15 de junho de 2021

Aline Happ convida Rod Wolf em vídeo cover do Cranberries

A música mais pesada dos Cranberries, "Zombie", ganha uma versão heavy metal na voz de Aline Happ, acompanhada do guitarrista Rod Wolf. A parceria nascida no Lyria agora traz peso à canção mais conhecida da banda irlandesa. A versão de "Zombie" faz parte de uma série de releituras que Happ realiza em seu canal no YouTube, o qual já conta com versões de Linkin Park, Iron Maiden, e até mesmo, The Mandalorian. Algumas das canções também estão disponíveis nas principais plataformas de streaming e download. A versão está disponível no canal do YouTube de Aline Happ.

Quer anunciar sua banda/artista/eventos/notícias/produtos musicais na Confraria? Mande seu material para confrariafloydstock@gmail.com

A música foi inspirada em um atentado terrorista que aconteceu em 1993, na Inglaterra, onde duas crianças foram mortas pelo IRA (Exército Republicano Irlandês). Considerada uma canção de guerra pelos irlandeses, "Zombie" fala sobre as dores dos pais ao perder seus filhos em uma onda violenta entre as tropas britânicas e os nacionalistas irlandeses, que durou entre as décadas de 70 e 80. A música é a mais popular dos The Cranberries, se tornando a primeira música de uma banda irlandesa a superar um bilhão de visualizações no YouTube.

Conhecida mundialmente por seu trabalho como líder, vocalista e compositora do Lyria, Aline Happ é hoje uma das vozes mais famosas do metal brasileiro. Em seu projeto solo, a artista promove releituras Gothic/Folk/Celtic de canções do rock e do metal mundial que estão disponíveis em seu canal no YouTube. Graças ao apoio dos fãs, a cantora arrecadou mais de 200% da meta do financiamento coletivo para o seu disco solo de estreia, que será lançado ainda neste ano.

Os vídeos postados no canal de Aline Happ contam com o apoio de fãs no Patreon e no Padrim. Conhecidos mundialmente, o Lyria é uma banda carioca fundada em 2012 por Aline Happ. De lá pra cá, o grupo lançou dois discos com apoio de crowdfunding, "Catharsis" (2014) e "Immersion" (2018) e tocou em diversas cidades brasileiras como Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, São Paulo, entre outras, além de transmitir shows online com venda de ingressos para o mundo todo.

Assista “Zombie”:

Adquira o álbum em pré-venda: https://www.lyriaband.com/alinehappbr

segunda-feira, 14 de junho de 2021

Roger Waters rejeita pedido de Mark Zuckerberg para usar uma música do Pink Floyd para promoção

O eterno líder floydiano, Roger Waters, revelara que não aceitara o pedido de Mark Zuckerberg para usar uma música icônica do Pink Floyd para promover o Instagram e o Facebook em sua conta no Twitter. Waters admitiu sua resposta depois que um jornalista postou um tweet sobre isso.

O fundador do Facebook, Mark Zuckerberg, queria usar a lendária música do Pink Floyd, "Another Brick in the Wall" durante o processo de promoção do Facebook e Instagram. Portanto, Zuckerberg ofereceu uma grande quantidade de dinheiro, provavelmente milhões, para Roger Waters para poder usar a música. No entanto, a resposta de Roger Waters, durante o evento "Free Assenge Forum" foi muito dura devido ao seu pensamento sobre o Facebook como um lugar de censura.

"Chegou pra mim nesta manhã, pela internet, um pedido pelos direitos de uso da minha música, 'Another Brick in the Wall, Pt. 2' na produção de um filme para promover o Instagram. Portanto, é uma missiva de Mark Zuckerberg para mim - chegou esta manhã, com uma oferta de uma enorme, enorme quantia de dinheiro, e a resposta é - foda-se! De jeito nenhum! E eu só cito isso porque é um movimento traiçoeiro deles para assumir absolutamente tudo. Então, aqueles de nós que têm poder, e eu tenho um pouco - em termos de controle da publicação das minhas músicas eu tenho, de qualquer maneira - então eu não vou participar dessa merda, Zuckerberg.", disse Waters, lendo o pedido de Zucka em seguida:

""Queremos agradecê-lo por considerar este projeto. Sentimos que o sentimento central desta música ainda é tão predominante e necessário hoje, o que mostra como seu trabalho é realmente atemporal'".

Em seguida, Roger faz uma observação:

"E ainda - eles querem usá-lo para tornar o Facebook e o Instagram ainda maiores e mais poderosos do que já são, para que possam continuar a censurar todos nós nesta sala e impedir que esta história sobre Julian Assange chegue ao público em geral, o público em geral poderia dizer: 'O quê ?! O quê ?! Não. Não mais!"

Como você deve saber, o décimo primeiro álbum de estúdio do Pink Floyd intitulado 'The Wall' foi lançado em 30 de novembro de 1979. Foi definido como uma ópera de rock e tornou-se um dos melhores álbuns de todos os tempos, além de ser um dos álbuns mais bem sucedidos da banda, recebendo críticas positivas. Ele permaneceu em primeiro lugar nas paradas dos EUA por quinze semanas e alcançou o terceiro lugar nas paradas britânicas.

Uma das canções mais icônicas do álbum, "Another Brick in the Wall" consistia em três partes que refletem uma parede criada por causa da perda de um pai, professores abusivos, uma mãe superprotetora e um colapso mental. Roger Waters estava nos vocais, baixo e David Gilmour estava na guitarra, vocais de harmonia com muitos mais. A canção fora escrita por Roger Waters.

Após o jornalista investigativo, Peter Cronau revelou que Roger Waters rejeitou a oferta de Mark Zuckerberg dizendo que 'Foda-se' quando ele queria usar 'Another Brick in the Wall' como uma promoção do Facebook e Instagram. Waters admitiu o que disse, mesmo que oferecesse uma grande quantidade de dinheiro em sua conta no Twitter. Além disso, ele afirmou que as pessoas podem chamá-lo de hipócrita devido o fato dele ainda usar o Facebook.

Eis o que ele escreveu:

"Peter Cronau, obrigado por prestar atenção irmão. Chamando todos os trolls, vamos lá, idiotas, me chamem de hipócrita por postar isso na plataforma censurada de Zuckerberg, o Facebook, agora."

Você pode ver os tweets abaixo:

Via Rock Celebrities.

sexta-feira, 11 de junho de 2021

Ouça “I Don’t Mind”, 1º single do novo álbum solo de Lindsey Buckingham

Faixa integra  o novo full-lenght homônimo do ex-guitarrista e vocalista do Fleetwood Mac, que chegará no dia 17 de setembro próximo.

Ouça no player abaixo:

Yngwie Malmsteen lança "Relentless Fury", canção de seu novo álbum; assista


"Relentless Fury" integra "Parabellum", novo álbum do guitarrista Yngwie Malmsteen, o seu 22º, que chegará no dia 23 de julho próximo, via Music Theories Recordings/Mascot Label Group.

Yngwie Malmsteen lança lyric video de "Wolves At The Door", canção de seu novo álbum; assista.

Ouça no no player abaixo:

Tracklist:


01. Wolves At The Door
02. Presto Vivace in C# minor
03. Relentless Fury
04. (Si Vis Pacem) Parabellum
05. Eternal Bliss
06. Toccata
07. God Particle
08. Magic Bullet
09. (Fight) The Good Fight
10. Sea Of Tranquility

Ouça "Echoes of the Soul", álbum de estreia da Crypta

"Echoes of the Soul", 1º full-lenght da Crypta, banda fundada por Fernanda Lira (baixo, voz) e Luana Dametto (bateria), ambas egressas do Nervosa, com Sonia Anubis e Tainá Bergamasch (guitarra), vindas do Burning Witches e Hagbard, respectivamente, para completar o time, chegara hoje, via Napalm Records.

Crypta lança clipe de "From the Ashes", canção de seu álbum de estreia; assista.

Ouça o álbum na íntegra:

Tracklist:

1. Awakening
2. Starvation
3. Possessed
4. Death Arcana
5. Shadow Within
6. Under the Black Wings
7. Kali
8. Bloodstained Heritage
9. Dark Night of the Soul
10. From the Ashes

terça-feira, 8 de junho de 2021

Alirio anuncia álbum solo “All Things Must Pass” para agosto

Single e videoclipe da faixa título já estão disponíveis

Quer anunciar sua banda/artista/eventos/notícias/produtos musicais na Confraria? Mande seu material para confrariafloydstock@gmail.com

A Frontiers Music Srl tem o prazer de anunciar que assinou um contrato com o cantor brasileiro Alirio, em um acordo para vários álbuns. Sua estreia com a Frontiers, o disco All Things Must Pass será lançado no dia 06 de agosto. Foi disponibilizado esta semana a primeira prévia para os fãs, com o single e videoclipe da faixa título do trabalho. 

Assista abaixo:

Compre All Things Must Pass na pré-venda: https://orcd.co/alirio

Alirio é um cantor e ator brasileiro, e uma das vozes do rock mais reconhecidas no Brasil e um nome emergente entre os maiores do país. Seja no palco, no estúdio ou atuando em musicais, Alirio causa uma forte impressão com sua voz poderosa e alcance incrível e sem esforços. “Me considero um compositor muito eclético quando se trata de estilos de rock. Meus compositores favoritos no momento, e também grandes influências, são Chris Cornell, George Harrison e, obviamente, Queen”, diz Alirio.

Sobre o significado por trás do primeiro single do álbum, ele disserta: "O poder está constantemente mudando de mãos e você precisa tentar aproveitá-lo ao máximo enquanto o tem. Mas isso também passará e, quando isso acontecer, você terá sido verdadeiro consigo mesmo ou corrompido pelo sistema?".

All Things Must Pass será a estreia internacional de Alirio, com um álbum que abrange uma ampla gama de estilos de rock e hard rock, com espaços para grandes melodias e baladas apoteóticas. Entre os músicos do álbum estão o baterista Adriano Daga (produtor ganhador do Grammy) e o baixista Felipe Andreoli (Angra). Além disto, ninguém menos que o vocalista do Journey, Arnel Pineda, aparece em um marcante dueto.

Estou emocionado e sinceramente agradecido em fazer parte da família Frontiers”, afirma o artista. “Este álbum é muito especial para mim, não apenas por contar com amigos realmente próximos e conhecidos mundialmente, mas especialmente pela paixão e verdade que eu coloquei em cada nota deste álbum. Este é provavelmente o trabalho mais honesto da minha carreira. Ter uma gravadora dessa magnitude acreditando na minha música, em um momento tão difícil para o mundo, é uma grande bênção".

Como cantor de rock, Alirio liderou a banda Khallice, que na época assinou contrato com a gravadora de rock progressivo Magna Carta para o lançamento de seu álbum de estreia, “The Journey”. Alirio também integrou a banda de metal Age of Artemis, que lançou dois discos, um deles produzido pelo renomado cantor e produtor Edu Falaschi (ex-Angra). Mais recentemente, juntou-se à banda Shaman, como substituto do saudoso Andre Matos.

Alirio também interpretou personagens em diversos musicais, incluindo o protagonista “Galileo” em We Will Rock You, a produção musical oficial do Queen. Posteriormente, foi anunciado como o novo vocalista da banda Queen Extravaganza, o que levou Roger Taylor a comentar: “Alirio não é apenas um cantor soberbo, mas também é um grande showman”. Alirio também dublou o personagem “Lefu” em A Bela e a Fera, live action da Disney.

Desempenhou o papel de Jesus na produção oficial mexicana de "Jesus Christ Superstar", e atuou como Judas na produção oficial brasileira do mesmo espetáculo, pelo qual foi indicado ao prêmio de Melhor Ator Principal de 2014, pelo jornal Estado de São Paulo. Com isso, as portas se abriram e se apresentou em alguns dos principais programas de TV do Brasil, como o maior talk show do país, o Jo Soares, além do Altas Horas, Faustão, The Noite, Jornal Hoje, Jornal do SBT, Jornal da Globo e Programa Todo Seu. Participou do programa televisivo Good Morning LA, nos Estados Unidos, junto com o Queen Extravaganza.

Tracklist:

1.  All Things Must Pass

2.  Let It All Burn (feat. Hugo Mariutti)

3.  Here I Am

4.  Back To The Roots

5.  The First Time

6.  Edinburgh

7.  Back To The Light (feat. Andria Busic)

8.  I'm Still Here (feat. Andria Busic)

9.  Grey (feat. Arnel Pineda)

10. You Hate (feat. Alberto Rionda)

11. Breeze (faixa bônus da versão digital)

12. Come With Me (faixa bônus da versão digital)

13. Gipsy (faixa bônus da versão digital)

14. Mentiras (feat. Alberto Rionda) (faixa bônus da versão digital)

15. Nada Se Compara (faixa bônus da versão digital)

Pink Floyd: pub em que Syd Barrett e David Gilmour se conheceram em Cambridge pode ser demolido

Um pub famoso por suas ligações com a banda Pink Floyd está para ser demolido.

O Flying Pig em Cambridge é um popular local de música ao vivo, mas está sob ameaça há mais de uma década.

Um plano que teria sido posto em prática como parte de um novo desenvolvimento foi rejeitado e os gerentes têm seis meses para partir. O gerente disse que não quer demolir e pode apelar.

Há um pub no local da Hills Road desde a década de 1840, e o membro original do Pink Floyd, Syd Barrett teria conhecido o futuro guitarrista do Floyd David Gilmour lá na década de 1950.

O pub e as terras ao redor dele são de propriedade da Pace Investments.

Os planos para desenvolver a área, que incluíam a demolição do pub vitoriano de fachada azul, foram aprovados pelo conselho municipal em 2008, disse o diretor administrativo da empresa de desenvolvimento, Jonathan Vincent.

No entanto, a empresa reconsiderou em 2019 depois que quase 14.000 pessoas assinaram uma petição implorando para manter o pub intacto.

O casal disse acreditar que conseguirá permanecer no pub até o próximo verão, mas Vincent disse que ele e os Hatfields concordaram em um "contrato de aluguel de seis meses" que qualquer um dos lados poderia rescindir a qualquer momento.

O Sr. e a Sra. Hatfield disseram: "Tendo lutado contra a pandemia de Covid com a ajuda de uma generosa doação coletiva e uma bolsa de recuperação cultural do Arts Council, estávamos apenas nos recuperando, e os negócios pareciam saudáveis ​​com nossa música de volta ao Jardim."

Agradecendo à população local por apoiá-los, eles acrescentaram: "Não podemos nos arrepender de nenhum momento dos últimos 24 anos, e assim que soubermos o que o futuro nos reserva, avisaremos vocês."

Vincent disse que ficou muito desapontado com os planos de manter o Flying Pig como parte de um desenvolvimento de uso misto que foram rejeitados.

Passei os últimos dois anos trabalhando com Justine e Matt, e outros, e estava desesperado para manter o pub - mas foi recusado.

O único consentimento de planejamento em vigor envolve a demolição do Flying Pig - então ou apelamos do plano recusado ou prosseguimos com o que foi aprovado."

Ele disse que "passou dois anos tentando encontrar o equilíbrio certo" e descreveu isso como "uma experiência bastante dolorosa".

Vincent disse que estava pedindo conselhos sobre se um recurso era "o caminho certo".

Enquanto isso, a família Hatfield parece determinada a deixar a casa de sua família acima do pub no final de outubro.

Assinando no Facebook, o casal disse: "Desculpe, não conseguimos manter o Pig voando."

Via BBC.

segunda-feira, 7 de junho de 2021

Edu Falaschi lança “Vera Cruz” no formato de Fita k7

Edu Falaschi confirma o lançamento do “Vera Cruz” no formato de fita cassete, também conhecida como fita k7. Produzido em parceria com a Rocketz Records, o formato é um pedido dos fãs de Edu desde o começo de sua carreira. Os produtos estão com previsão de envio a partir do final de Agosto de 2021.

Quer anunciar sua banda/artista/eventos/notícias/produtos musicais na Confraria? Mande seu material para confrariafloydstock@gmail.com

Para comprar a fita K7, entre no endereço: https://edu-falaschi.lojaintegrada.com.br/k7-veracruz

"Eu sou apaixonado pelos anos 80 e o Vera Cruz celebra meus 30 anos como artista profissional, então juntar tudo isso lançando essas músicas em fita cassete é extremamente emocionante pra mim, isso tudo me remete diretamente às minhas origens e a uma época mágica em minha vida!", disse Edu Falaschi.

Com a participação especial de Elba Ramalho e Max Cavalera, “Vera Cruz” vem sendo um sucesso da crítica especializada e dos fãs do estilo. O álbum é um marco na carreira do vocalista e consagra em grande o estilo o retorno de Edu Falaschi na sua melhor forma como compositor e cantor. Edu é acompanhado por Aquiles Priester, Fábio Laguna, Raphael Dafras, Roberto Barros e Diogo Mafra.

Ouça “Vera Cruz”: https://found.ee/edufalaschiveracruz

Tracklist do K7 - “Vera Cruz”:

LADO A

1- Burden

2- The Ancestry

3- Sea Of Uncertainties

4- Skies In Your Eyes

5- Frol De La Mar

6- Crosses

7- Face Of The Storm feat Max Cavalera

LADO B

8- Land Ahoy

9- Fire With Fire

10- Mirror Of Delusion

11- Bonfire Of The Vanities

12- Rainha do Luar feat Elba Ramalho

Dia dos Namorados: Hammerfall ganha cover de Monica Possel e Fe Schenker

A época mais romântica do ano também conquista os headbangers apaixonados. E é nesse clima que Monica Possel, vocalista da Hamen, se une a Fe Schenker, guitarrista do Melyra, em uma versão acústica da canção “Always Will Be”, do Hammerfall. A canção também faz parte da playlist “Love Metal”, criada por Monica Possel, que traz músicas que a inspiram a escrever sobre amor. O cover está disponível no canal oficial da cantora no YouTube.

Quer anunciar sua banda/artista/eventos/notícias/produtos musicais na Confraria? Mande seu material para confrariafloydstock@gmail.com

Sempre gostei desta música, ela é uma das que estão na minha playlist de Love Metal. E como estou numa série de covers de vocais masculinos, decidi escolhê-la. E a Fe também curtiu porque pôde demonstrar seu talento no violão, pois fizemos uma versão acústica.”, avalia Monica Possel.

A relação entre as duas artistas aconteceu por meio da assessoria de imprensa, que cuida das duas carreiras. “Comecei a acompanhar todos os releases e matérias que saíam da banda, até que um dia entrei num grupo coletivo feminino e a Fe estava lá e começamos a fazer alguns trabalhos juntas.”, relembra Monica.

A vocalista Monica Possel é uma cantora soprano de Joinville (SC) com mais de 10 anos de experiência. Frontwoman e principal letrista da banda Hamen, de power metal sinfônico, traz em seu currículo a atuação como soprano no Coro de Câmara do Conservatório Villa-Lobos, da Casa da Cultura de Joinville. No ano de 2020, a cantora foi agraciada com o prêmio Best Operatic Vocals” (Melhor Vocal Operístico, em tradução livre), pelo site europeu FemMetal. Nesta ocasião a artista foi a única latinoamericana indicada, desbancando vozes femininas da Europa e América do Norte.

Criada em 2013, a Hamen surgiu no cenário nacional com o EP “Altar” (2015) e de lá para cá a banda lançou o álbum “Unreflected Mirror” (2018), que contou com participação especial de Marcelo Barbosa (Angra) e já participou de coletâneas internacionais, se tornando uma das representantes do power metal sinfônico brasileiro. O disco traz como temática noções abordadas na ficção científica, como mundos alternativos e também conta com influências da literatura de Arthur C. Clarke, autor de “2001 - Uma Odisseia no Espaço”, entre outros clássicos.

Já Fe Schenker é a guitarrista da banda Melyra (RJ), de heavy metal. A banda é uma das mais populares da cena carioca. Com sete anos de estrada, a banda já tocou no Circo Voador (RJ), abrindo para os suecos do Arch Enemy; participou do tributo ao cantor Edu Falaschi, conquistando elogios da crítica; além de tocar em eventos conhecidos na capital fluminense, como Rio Novo Rock, Rio Banda Fest e Roquealize-se. Na discografia, o disco “Saving You From Reality” (2018) e o EP “Cath Me If You Can” (2014).

Assista o cover de “Always Will Be”: 

Siga a playlist “Love Metal” no Spotify: http://bit.ly/LoveMetalPlaylist