head> Confraria Floydstock: lançamentos
Mostrando postagens com marcador lançamentos. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador lançamentos. Mostrar todas as postagens

sexta-feira, 2 de dezembro de 2022

Amberian Dawn lança o álbum "Take A Chance – A Metal Tribute to ABBA"; ouça

Trabalho que faz um tributo aos ícones pop suecos chegou hoje, via Napalm Records.

A banda finlandesa Amberian Dawn, notória no continente europeu no campo do metal sinfônico, anunciou o lançamento de um disco, intitulado "Take A Chance – A Metal Tribute to ABBA", que chegará no início de dezembro, trazendo canções do ABBA, ícones do pop no país vizinho, a Suécia.

Amberian Dawn lança clipe de "Super Trouper", canção de seu novo álbum; assista.

Amberian Dawn lança clipe de "Gimme! Gimme! Gimme! (A Man After Midnight)", canção de seu novo álbum; assista.

Amberian Dawn anuncia novo álbum de covers do ABBA; confira o single "SOS".

Em nota, a gravadora publicou:

"Amanhecer de um novo som - AMBERIAN DAWN brilha com um tributo de metal ao ABBA! Continuando seu legado do álbum anterior, "Looking For You" (2020), a AMBERIAN DAWN se reuniu para seguir sua paixão e arriscar ser o alvo de uma nova era para o gênero metal com "Take A Chance – A Metal Tribute to ABBA", que será lançado em 2 de dezembro de 2022 pela Napalm Records. Apresentando o ABBA-Metal, a banda não se esquiva de experimentar gêneros, mantendo-se fiel às suas origens do metal. Earworms combinados com elementos característicos da AMBERIAN DAWN metalizam verdadeiramente o legado do ABBA e o transformam em uma experiência de metal como nunca antes ouvida. Com sintetizadores habilmente implementados para criar teclas de som vintage, riffs de guitarra e a voz angelical da vocalista Capri, as linhas originais mergulham perfeitamente com instrumentais de rock. A bateria arrojada garante uma experiência de ritmo acelerado que expressa a identidade da banda sem perder os teclados cativantes que lembram o ABBA, as letras renomadas e a sensação nostálgica do original. Incluindo sempre-vivas como “Mamma Mia” e “Super Trouper”, AMBERIAN DAWN encanta com uma variedade de faixas. Representando uma grande variedade de músicas do ABBA, de alta energia a baladas de metal comoventes, como “Like An Angel Walking Through My Room”, a banda oferece um incrível ABBA-Metal para um público amplo. Então dê uma chance ao novo álbum do AMBERIAN DAWN e se perca novamente no glorioso mundo do novo metal do ABBA."

O guitarrista Tuomas Seppälä falou sobre o disco:

Este foi um ‘álbum obrigatório’ para mim. Nos divertimos tanto em 2019 trabalhando em nossa primeira música cover (‘Lay All Your Love On Me’ do ABBA), que foi fácil tomar a decisão de continuar com um álbum cover completo do ABBA. As músicas foram cuidadosamente selecionadas, há algumas músicas de grande sucesso, é claro, mas algumas das minhas favoritas pessoais, como ‘The Day Before You Came’, também estão incluídas. O projeto de gravação acabou sendo um grande desafio para todos nós e precisou de muito trabalho, mas estamos todos 100% satisfeitos com os resultados. Este álbum realmente soa como um álbum da AMBERIAN DAWN.

Ouça o álbum na íntegra, via Spotify, ou clique AQUI para demais plataformas.

Tracklist:

01 Super Trouper
02 Gimme! Gimme! Gimme! (A Man After Midnight)
03 SOS
04 Head Over Heels
05 The Day Before You Came
06 Angeleyes
07 That's Me
08 Mamma Mia
09 Under Attack
10 Like An Angel Passing Through My Room
11 Lay All Your Love On Me.

Marcela Bovio lança "Loneliness anthem #1", single de seu novo EP; assista

Faixa integra o EP "A Song of Death, A Song of Pain", que chegará no dia 9 de dezembro próximo.

Stream of Passion anuncia show extra de sua reunião.

A cantora Marcela Bovio, já conhecida por seus trabalhos com o Elfonia, Stream of Passion, The Gentle Storm, Ayreon, MaYan, Dark Horse White Horse, além de inúmeras colaborações com vários artistas, lançou hoje a canção "Loneliness anthem #1", o 2º dos 2 singles que comporão o EP vindouro "A Song of Death, A Song of Pain", que chegará em diversos formatos (pré-venda) no dia 9 de dezembro próximo.

A cantora discorreu sobre a canção:

"Lancei uma nova música hoje. E eu já disse isso no "Loneliness anthem #2", MAS! Acho que esta pode ser a música mais triste que já escrevi... é, claro: "Loneliness anthem #1".

Inclui um dos meus momentos de coral em estilo barroco de que mais me orgulho 😊 e apresenta o convidado especial Raphael Weinroth-Browne no violoncelo. Você deve conhecê-lo por seu trabalho incrível com a banda Leprous, da qual sou uma grande fã, ou por seu trabalho solo mágico. Fiquei super feliz que ele concordou em colaborar nesta faixa! Confira aqui abaixo:"

Ouça, via Spotify, ou clique AQUI para ouvir em outras plataformas:

Assista Bovio entoando "Loneliness anthem #2", disponibilizada anteriormente.

Beyond the Black lança clipe de "Dancing In The Dark", canção de seu novo álbum; assista

"Dancing In The Dark" integra o homônimo 5º álbum de estúdio do Beyond of Black, que chegará no dia 13 de janeiro próximo, via Nuclear Blast.

Amaranthe lança o single "Make It Better" (feat. Jennifer Haben); ouça.

O trabalho sucederá "Hørizøns" (2020).

Beyond the Black lança clipe de "Winter Is Coming", canção de seu novo álbum; assista.

Beyond the Black lança clipe de seu novo single "Is There Anybody Out There?"; assista.

Beyond the Black lança clipe de seu novo single "Reincarnation"; assista.

Assista ao clipe de "Dancing In The Dark" ou ouça na sua plataforma de streaming preferida, clicando AQUI:

Tracklist:

1. Is there Anybody Out There?
2. Reincarnation
3. Free Me
4. Winter Is Coming
5. Into The Light
6. Wide Awake
7. Dancing In The Dark
8. Raise Your Head
9. Not In Our Name
10. I Remember Dying
11. I Remember Dying (Stranger Reprise)
12. Wide Awake (Piano Version)
13. Raise Your Head (String Version).

 

Tarja lança sua nova compilação 'Best Of: Living The Dream'; ouça

Coletânea chegou hoje, via earMUSIC.

A ex-vocalista do Nightwish, Tarja Turunen, lançou sua primeira coletânea "best-of", "Best Of: Living The Dream", via earMUSIC.

Tarja Turunen sobre Floor Jansen: 'Nós somos irmãs no metal'.

Olhando para trás em 15 anos extremamente bem sucedidos da carreira solo da cantora finlandesa, o "Best Of" contém não apenas as faixas mais conhecidas de Tarja, muitas delas remasterizadas no Sterling Sound, e favoritas pessoais de todos os seis álbuns de estúdio - "My Winter Storm", "What Lies Beneath", "Colours In The Dark", "The Brightest Void", "The Shadow Self" e "In The Raw" - mas também a canção "Eye Of The Storm".

Sobre o disco, Tarja disse:

"Depois de todos esses anos, eu ainda não consigo acreditar que é hora de lançar um álbum 'Best Of' adequadoTantos momentos lindos, inacreditáveis. Foi um sonho montar essa coleção. E eu realmente espero que vocês gostem tanto quanto eu gostei ao fazê-la."

A compilação foi escolhida a dedo pela própria Tarja e é lançada em uma grande variedade de formatos, cada um com raridades exclusivas e/ou o inédito show de duas horas "Circus Life", que era aguardado ansiosamente pelos fãs, bem como atualizado versões dos videoclipes de Tarja. Completada por obras de arte de alta qualidade, encartes de luxo e muitos formatos para escolher, esta coleção é um deleite para fãs casuais, bem como superfãs.

A versão padrão do CD e vinil contém 16 faixas (incluindo o novo single), bem como encarte de luxo. O mediabook estritamente limitado contém mais 13 faixas e o show ao vivo de duas horas inédito "Circus Life". A caixa estritamente limitada contém uma seleção adicional de 19 faixas dos projetos de Tarja, incluindo Outlanders, quatro discos de imagem, seis impressões de arte, dois pôsteres e uma impressão de arte assinada por Tarja.

Ouça o trabalho na íntegra, via Spotify, ou clique AQUI para mais plataformas.

Tracklist:

CD1 / LP1+2

01. Eye Of The Storm (brand new song)

02. I Walk Alone (single version)

03. Die Alive (alternative version)

04. Enough

05. Falling Awake (feat. Jason Hook)

06. Until My Last Breath (single version)

07. I Feel Immortal (radio remix)

08. Victim Of A Ritual

09. 500 Letters

10. Never Enough

11. Innocence (radio edit)

12. Demons In You (feat. Alissa White-Gluz)

13. Diva

14. Dead Promises (feat. Björn "Speed" Strid)

15. Tears In Rain

16. You And I (band version)

CD2 / Picture Disc 3+4

01. Oasis

02. Sing For Me

03. Anteroom Of Death (edit version)

04. In For A Kill

05. Naiad

06. Crimson Deep

07. Mystique Voyage

08. Deliverance

09. Into The Sun

10. Eagle Eye (feat. Chad Smith)

11. Too Many

12. Love To Hate

13. Shadow Play

CD3:

01. Rukous, Op. 40 : N°2

02. Oi, Kiitos Sa Luojani Armollinen

03. Ave Maria (Camille Saint-Saëns)

04. Ave Maria (Giulio Caccini)

05. Ave Maria (Tarja Turunen)

06. Walking In The Air

07. You Would Have Loved This

08. O Come, O Come Emmanuel

09. Together

10. O Tannenbaum

11. What Child Is This

12. Varpunen Jouluaamuna

13. Heinillä Härkien

14. En Etsi Valtaa Loistoa

15. Witch-Hunt

16. You Take My Breath Away

17. I Feel Pretty

18. The Cruellest Goodbye

19. World in My Eyes

Blu-ray:

01. Mystique Voyage

02. 500 Letters

03. Naiad

04. Diva

05. You And I

06. Love To Hate

07. Demons In You

08. Never Enough

09. Falling Awake

10. I Feel Immortal

11. I Walk Alone

12. Victim Of Ritual

13. Innocence

14. Die Alive

15. Tears In Rain

16. Dead Promises

17. Until My Last Breath

18. Shadow Play.

quinta-feira, 1 de dezembro de 2022

Dan Brooklyn lança seu álbum de estreia "The Great Beast", dedicado a Aleister Crowley e com cover de Ozzy

Trabalho chegou hoje em diversas plataformas

1º de dezembro de 2022. Este dia é mais do que apenas o começo do fim de um ano agitado, é também o aniversário da morte do homem mais perverso do mundo.

Quer anunciar sua banda/artista/eventos/notícias/produtos musicais na Confraria? Mande seu material para confrariafloydstock@gmail.com

Enquanto o mestre ocultista Aleister Crowley tem sido tema de inúmeras canções, obras de arte e histórias de fundo de alguns dos lançamentos de metal e rock mais influentes de todos os tempos, o artista de metal industrial holandês Dan Brooklyn continua sendo aquele que realmente lança o vermelho (ou melhor, o preto) ) tapete para Crowley.

Com novas influências góticas e Nu-Metal, variando de gigantes da cena como Alice Cooper ou Rob Zombie até Rammstein, Dan Brooklyn entrelaça a saga musical de gelar o sangue em torno de um dos homens mais notórios e infames que já caminharam na terra. Naturalmente, o próprio Dan Brooklyn não hesita em quebrar barreiras e encontrou seu nicho como um dos nomes mais esperançosos da Europa em Shock Rock. Imagens explícitas, letras perturbadoras, parcialmente retiradas dos próprios escritos de Crowley e instrumentais assombrosos, todos constroem o epos que é seu primeiro álbum, "The Great Beast". Com a ajuda de Caleb Bingham (ex-Five Finger Death Punch) do Athanasia como produtor e colega músico no disco, Brooklyn conseguiu criar seu próprio som característico que faz as cabeças virarem imediatamente.

No álbum, Dan Brooklyn leva o ouvinte a uma jornada pela vida e práticas de Crowley, sem nunca glorificar, mas sim aumentar a conscientização sobre os atos e filosofias de Aleister Crowley. Sobre o próprio Sr. Crowley e a história do álbum, Dan Brooklyn diz: “Crowley era temido por seus contemporâneos tementes a Deus; celebrado como um pensador pioneiro e livre pela geração da contracultura dos anos 60 e 70. Mas qual das muitas faces é a verdadeira face de Crowley? Ele foi o pioneiro libertino e incompreendido que abriu caminho para a Era de Aquário? Ou ele era o narcisista egoísta, viciado em sexo e drogas que seus críticos afirmam que ele é? Ouça "The Great Beast" e descubra por si mesmo!” Como faixa de encerramento do álbum, Dan Brooklyn colocou o toque de Midas no que talvez seja a música mais conhecida já escrita sobre Aleister Crowley: "Mr. Crowley", que será lançada como single em 3 de dezembro no 74º aniversário de Ozzy Osbourne, não é apenas um favorito constante na lista de reprodução de todos os metalheads, mas ganha um novo apelo por meio dos vocais no estilo Rammstein e dos instrumentais lindamente construídos. Mas há mais: 6 de dezembro marca o aniversário do Sr. Randy Rhoads, então ele será homenageado com o lançamento do videoclipe de "Mr. Crowley". Uma coisa é certa: você nunca ouviu Ozzy dessa maneira. Dan Brooklyn sublinha: “Acho que conseguimos criar um cover sombrio, original e cinematográfico dessa música; diferente de qualquer um que já se ouviu antes!"

Em seu recente clipe, "Chamber of Nightmares", Dan Brooklyn prova sua habilidade como um compositor promissor, combinando sua mistura de estilo de metal industrial, gótico e rock chocante com uma grande porção de cativante, tornando a faixa um verdadeiro destaque de "The Great Beast". A música também tem algumas surpresas reservadas, um excelente exemplo disso sendo um solo altamente melódico que não pareceria deslocado em uma música moderna do In Flames, apresentada na primeira metade da faixa. Brooklyn diz o seguinte sobre sua inspiração subjacente: “'Em 1920, Crowley fundou a Abadia de Thelema em Cefalu, Sicília. Um templo, centro espiritual e anti-mosteiro, que ele queria transformar em um centro global de devoção mágica. Aleister cobriu suas paredes com murais surrealistas; imagens enormes e coloridas de ciclopes, duendes e outras criaturas. Ele se referia ao seu quarto como 'Chambre des Cauchemars' - a 'Câmara dos Pesadelos' - e às vezes trancava seus devotos em seu quarto por horas a fio depois de dar-lhes alucinógenos. Os psicodélicos provavelmente deram vida aos murais, e Crowley fez isso para que seus devotos “superassem seus medos”. A música é sobre os eventos descritos acima e provavelmente a faixa mais amigável para o rádio do disco. Apresenta amostras de Crowley dizendo 'Coragem!' e 'Ou como flores em sua beleza, para a câmara da justiça'."

Ouça o álbum "The Great Beast", de Dan Brooklyn aqui: https://orcd.co/danbrooklyn


Tracklist:

01 93 (The Dawn of an Enigma)
02 Boleskine House
03 The Power of Darkness is More Than Just a Superstition  
04 The Midnight Flower Unfurled 
05 The Equinox of the Gods
06 Droppings From the Host of Heaven
07 The Great Beast
08 The Most Powerful Being in the World
09 Chamber of Nightmares
10 Scattered Through the Galaxy Like Grains of Sand 
11 Liber XLIV (The Mass of the Phoenix)
12 The Poet
13 Mr. Crowley.

terça-feira, 29 de novembro de 2022

Eric Clapton lança a faixa “Losing Hand”; ouça

Canção integra "The Complete Reprise Studio Albums – Volume II vinyl box set", que chegará em 19 de janeiro próximo, sequenciando a 1ª parte, que chegou em setembro último.

Os fãs de Eric Clapton agora podem ouvir o raro take de "Losing Hand" depois que foi lançado como single de sua próxima caixa de vinil.

O single, originalmente uma faixa exclusiva no lançamento japonês de seu álbum "Clapton" de 2010, agora pode ser ouvido como prévia da caixa de vinil "The Complete Reprise Studio Albums - Volume II", cujo lançamento está previsto para 19 de janeiro do ano vindouro.

Ouça Losing Hand no player abaixo.

A caixa do Volume II traz os álbuns de estúdio completos da primeira, de 30 de setembro, o vol. I box set, que trazia versões remasterizadas de "Money and Cigarettes" como um único LP, e "Behind the Sun", "August", "Journeyman", "From the Cradle" e "Pilgrim" como LPs duplos, bem como um disco com raridades dos anos 80 e 90 de Clapton.

O co-produtor de Clapton, Simon Climie, supervisionou a produção do box set, com remasterização de Bob Ludwig no Gateway Studios em Maine e masterização de vinil por Chris Bellman no Bernie Grundman Mastering em Los Angeles. Clapton também compartilhou anteriormente um cover inédito de "Born Under a Bad Sign", de Albert King, do box Volume 1, que por sinal, tecnicamente não é a primeira vez que Clapton faz um cover do clássico do blues de King, já que o Cream incluiu a faixa em seu álbum de 1968, "Wheels Of Fire".

A ex-esposa e musa de Clapton, Pattie Boyd, recentemente fez um comentário irônico sobre querer os royalties de Clapton como parte do acordo de divórcio. Boyd, que se casou com Clapton em 1979 e foi a inspiração por trás de seu hit "Layla", brincou que, apesar de ser a musa da música, ela não recebeu um único centavo da faixa.

É por isso que tenho que escrever livros”, brincou Boyd sobre o casamento que terminou em 1989.

Delain libera clipe para a canção “Beneath” (feat. Paolo Ribaldini); assista

Faixa integra o novo álbum "Dark Waters", que chegará no dia 10 de fevereiro próximo via Napalm Records.

A banda neerlandesa Delain, liderada pelo tecladista e principal compositor e arranjador Martijn Westerholt, lançou o seu 2º single, com direito a um videoclipe, intitulado “Beneath”, que traz a colaboração vocal do cantor ítalo-finlandês Paolo Ribaldini.

Esta é a segunda canção divulgada do vindouro álbum "Dark Waters", previsto para chegar no dia 10 de fevereiro próximo.

Este será o primeiro trabalho da banda depois que Martijn remontou o Delain, após ter demitido 4 integrantes em fevereiro de 2021, dentre eles a frontwoman Charlotte Wessels e convocar novos membros em agosto: o guitarrista e baterista originais Ronald Landa e Sander Zoer, a nova vocalista Diana Leah e o novo baixista Ludovico Cioffi.

Na ocasião, foi divulgado o clipe do single “The Quest and the Curse” (SAIBA MAIS E ASSISTA AQUI).

Assista o clipe de “Beneath” (feat. Paolo Ribaldini) no player abaixo:

Tracklist:

01 Hideaway Paradise

02 The Quest and the Curse

03 Beneath (Paolo Ribaldini)

04 Mirror of Night

05 Tainted Hearts

06 The Cold

07 Moth to a Flame (Paolo Ribaldini)

08 Queen of Shadow

09 Invictus (Marko Hietala & Paolo Ribaldini)

10 Underland

11 The Quest and the Curse (Piano Version).

The Doors lança "Paris Blues", sua última música inédita; assista ao clipe

Faixa foi gravada entre as sessões dos álbuns "The Soft Parade" e "L.A. Woman".

A banda The Doors lançou uma nova canção intitulada Paris Blues.

Paris Blues” percorreu um longo e sinuoso caminho até seu lançamento, assumindo uma qualidade mítica entre os fãs do Doors ao longo do caminho. Uma canção original de blues escrita pela banda; a faixa foi gravada durante uma das sessões de gravação da banda para "The Soft Parade" e "L.A. Woman" (ninguém parece se lembrar). A fita master da música foi perdida e a única cópia sobrevivente foi dada ao tecladista do Doors, Ray Manzarek. Infelizmente, esta cópia foi parcialmente danificada por seu filho Pablo (uma criança na época), que gravou algumas partes curtas. Agora, por meio de algumas edições criativas, a música foi resgatada da obscuridade para o novo álbum.

"Paris Blues" também contém um par de outtakes gravados durante as sessões da banda para "The Soft Parade" de 1969 - "(You Need Meat) Don't Go No Further" e "I'm Your Doctor". Ambos apresentam Manzarek nos vocais apoiados por Robby Krieger e o baterista John Densmore. Em 2019, o baixo de Robert DeLeo do Stone Temple Pilots foi adicionado às músicas, que foram incluídas na edição do álbum de 50 anos da Rhino.

Também estão presentes no set duas gravações ao vivo inéditas de Jim Morrison e Robby Krieger atuando como uma dupla em um evento beneficente para a campanha de Norman Mailer para prefeito em 31 de maio de 1969 em West Hollywood. A primeira música é “I Will Never Be Untrue”, um original do Doors escrito para, mas deixado de lado, o Morrison Hotel de 1970. O outro é um cover de “Me And The Devil Blues” de Robert Johnson.

O álbum é preenchido por um trio de faixas lançadas pela primeira vez no lançamento de arquivo de 2010, "Live in Vancouver 1970". Essas faixas ao vivo apresentam a banda com o lendário bluesman Albert King, que se juntou ao The Doors no palco durante seu show de 6 de junho de 1970 no Pacific Coliseum de Vancouver. . A introdução de King por Jim Morrison está incluída junto com versões ao vivo de "Little Red Rooster", "Rock Me Baby" e "Who Do You Love?"

Ao discutir os Doors em seu auge, o falecido Ray Manzarek nos disse que gostassem ou não, os Doors acabaram sendo porta-vozes de sua geração: “Houve uma guerra no Vietnã e, sabe, isso tinha que ser parado, e nós íamos tentar limpar o meio ambiente, e fazer todas aquelas coisas boas que os hippies estavam tentando fazer. E todo mundo estava com raiva, cara, então, você sabe, nós tentamos fazer a música o mais pesada, poderosa e excitante possível. E quando você tem Jim Morrison como vocalista, bem, você sabe, isso é uma vantagem extra. Então era disso que se tratava.

Assista ao clipe de "Paris Blues":

Godsmack divulga clipe para “Surrender”; assista

Faixa estará em “Lighting Up The Sky”, oitavo trabalho do grupo.

Quer anunciar sua banda/artista/eventos/notícias/produtos musicais na Confraria? Mande seu material para confrariafloydstock@gmail.com

Após anunciar seu oitavo álbum de estúdio “Lighting Up the Sky”, o Godsmack lança o clipe para o single “Surrender”, um dos destaques deste novo trabalho. Previsto para o dia 24 de fevereiro de 2023, o disco promete seguir a história de sucesso de seu antecessor, “When Legends Rise” (2018), que alcançou quatro singles #1 consecutivos. O clipe está disponível no canal do YouTube da banda e apresenta os bastidores de sua turnê e a conexão com o público.

Assista ao clipe de “Surrender”:

Faça pré-save de “Lighting Up The Sky”: https://Godsmack.lnk.to/LightingUpTheSkyPR

Produzido pelo vocalista e guitarrista Sully Erna em parceria com Andrew “Mudrock” Murdock (Avenged Sevenfold, Alice Cooper), “Lighting Up The Sky” irá apresentar uma narrativa poderosa. “Gosto quando um disco leva você a uma trajetória contada de trás para frente. Percebi que há toda uma história aqui sobre a jornada de um homem, os altos e baixos”, diz Erna, que chega com o Godsmack em sua primeira passagem pelo Brasil  em abril de 2023.

Além dele, a banda de Massachusetts é formada por Tony Rombola (guitarra), Robbie Merrill (baixo) e Shannon Larkin (bateria). Com mais de 20 anos de sucesso, Godsmack se consolidou como um dos maiores nomes do rock no século XXI. Até o momento, os músicos alcançaram impressionantes 11 singles #1 nas rádios de rock americanas, incluindo “Bulletproof”, “Unforgettable”, “When Legends Rise” e “Under Your Scars”, todos do álbum mais recente. O grupo marcou presença com 20 hits no Top 10 nessas mesmas rádios, mais do que qualquer artista desde o fim dos anos 90 -, bem como quatro indicações ao Grammy. A banda ainda foi indicada na categoria Artista de Rock do Ano do Billboard Music Awards em 2001.

Acredito que ‘Lighting Up The Sky’ traz uma história com a qual todos se conectarão, em um nível humano, porque todos passamos por coisas na vida”, Sully Erna continua, ao contar que o disco dialoga com relacionamentos humanos, política e a ideia de legado. O vocalista e guitarrista revela ainda que pensa este álbum como último trabalho de estúdio da banda. 

Com mais de 20 milhões discos vendidos em todo o mundo, Godsmack prepara sua nova fase. Os singles “Surrender” e “You And I” estão disponíveis em todas as plataformas de música via BMG.

Tracklist:

You And I

Red White & Blue

Surrender

What About Me

Truth

Hell’s Not Dead

Soul On Fire

Let’s Go!

Best Of Times

Growing Old

Lighting Up The Sky.

Amberian Dawn lança clipe de "Super Trouper", canção de seu novo álbum; assista

"Take A Chance – A Metal Tribute to ABBA" chegará em 2 de dezembro próximo, via Napalm Records.

A banda finlandesa Amberian Dawn, notória no continente europeu no campo do metal sinfônico, anunciou o lançamento de um disco, intitulado "Take A Chance – A Metal Tribute to ABBA", que chegará no início de dezembro, trazendo canções do ABBA, ícones do pop no país vizinho, a Suécia.

Amberian Dawn lança clipe de "Gimme! Gimme! Gimme! (A Man After Midnight)", canção de seu novo álbum; assista.

Amberian Dawn anuncia novo álbum de covers do ABBA; confira o single "SOS".

Em nota, a gravadora publicou:

"Amanhecer de um novo som - AMBERIAN DAWN brilha com um tributo de metal ao ABBA! Continuando seu legado do álbum anterior, "Looking For You" (2020), a AMBERIAN DAWN se reuniu para seguir sua paixão e arriscar ser o alvo de uma nova era para o gênero metal com "Take A Chance – A Metal Tribute to ABBA", que será lançado em 2 de dezembro de 2022 pela Napalm Records. Apresentando o ABBA-Metal, a banda não se esquiva de experimentar gêneros, mantendo-se fiel às suas origens do metal. Earworms combinados com elementos característicos da AMBERIAN DAWN metalizam verdadeiramente o legado do ABBA e o transformam em uma experiência de metal como nunca antes ouvida. Com sintetizadores habilmente implementados para criar teclas de som vintage, riffs de guitarra e a voz angelical da vocalista Capri, as linhas originais mergulham perfeitamente com instrumentais de rock. A bateria arrojada garante uma experiência de ritmo acelerado que expressa a identidade da banda sem perder os teclados cativantes que lembram o ABBA, as letras renomadas e a sensação nostálgica do original. Incluindo sempre-vivas como “Mamma Mia” e “Super Trouper”, AMBERIAN DAWN encanta com uma variedade de faixas. Representando uma grande variedade de músicas do ABBA, de alta energia a baladas de metal comoventes, como “Like An Angel Walking Through My Room”, a banda oferece um incrível ABBA-Metal para um público amplo. Então dê uma chance ao novo álbum do AMBERIAN DAWN e se perca novamente no glorioso mundo do novo metal do ABBA."

O guitarrista Tuomas Seppälä falou sobre o disco:

Este foi um ‘álbum obrigatório’ para mim. Nos divertimos tanto em 2019 trabalhando em nossa primeira música cover (‘Lay All Your Love On Me’ do ABBA), que foi fácil tomar a decisão de continuar com um álbum cover completo do ABBA. As músicas foram cuidadosamente selecionadas, há algumas músicas de grande sucesso, é claro, mas algumas das minhas favoritas pessoais, como ‘The Day Before You Came’, também estão incluídas. O projeto de gravação acabou sendo um grande desafio para todos nós e precisou de muito trabalho, mas estamos todos 100% satisfeitos com os resultados. Este álbum realmente soa como um álbum da AMBERIAN DAWN.

Assista ao lyric video de "Super Trouper" no player abaixo:

Tracklist:

01 Super Trouper
02 Gimme! Gimme! Gimme! (A Man After Midnight)
03 SOS
04 Head Over Heels
05 The Day Before You Came
06 Angeleyes
07 That's Me
08 Mamma Mia
09 Under Attack
10 Like An Angel Passing Through My Room
11 Lay All Your Love On Me.

segunda-feira, 28 de novembro de 2022

Illumishade lança clipe de "Elegy", canção do seu álbum de estreia; assista

"Elegy" integra "ECLYPTIC: Wake of Shadows", álbum de estreia da banda Illumishade, projeto paralelo da frontwoman do Eluveitie, Fabienne Erni, que chegou em 2020.

Assista ao clipe de "Destined Path", canção do álbum de estreia do álbum de estreia do Illumishade.

Assista no player abaixo:


Tracklist:

Passage Through The Clouds
The Calling Winds
Tales Of Time (ft. Chrigel Glanzmann)
The Farewell Arcades
Crystal Silence
What Have I Become
Rise
Into The Maelstrom
Muse Of Unknown Forces
Golden Lands
Beyond The Obsidian Veil
World’s End
Glowing Tides.

A Banda:

Fabienne Erni – vocals
Jonas Wolf – guitars
Yannick Urbanczik – bass
Marc Friedrich – drums
Mirjam Schnedl – synth & orchestrations

Novo álbum de Donovan traz David Gilmour em 2 faixas; Ouça "Rock me"

Guitarrista do Pink Floyd é um dos convidados do vindouro trabalho do músico escocês, que chegará no dia 15 de dezembro próximo.

O novo álbum de Donovan, "Gaelia: The Sulan Sessions", apresenta uma variedade de artistas convidados, incluindo David Gilmour.

A contribuição do ícone do Pink Floyd pode ser ouvida na faixa "Rock Me" e ele também adicionou elementos à música que fecha o disco, "Lover O' Lover".

Pink Floyd: David Gilmour falando sobre experiência "inesquecível" com Paul McCartney.

Um comunicado de imprensa observou que o álbum, que chegará em 15 de dezembro, "celebra as raízes gaélicas de Donovan" ao mesmo tempo em que representa uma mistura de vários estilos. “A fusão dos meus estilos de raízes gaélicas, com minha poesia e composição melódica, fraseado de guitarra estilo dedo, cordas ciganas clássicas, emoção vocal e rock gaélico, é um sucesso completo para mim no Gaelia”, disse ele. "Eu cumpri meu serviço novamente como um poeta xamã vivo. Todos os convidados se destacaram, e Dan Fitzgeralnd co-produzindo comigo, [aumentou] as músicas com seus talentos superlativos, [mostrando] grande respeito por tudo o que alcancei ao trazer para todo o mundo apreço pela nossa tradição gaélica."

Donovan disse recentemente à Variety como surgiu a colaboração com Gilmour, dizendo que eles se conheceram em uma propriedade rural. "David e eu conversamos sobre quando ele comprou minha casa nos anos 60, quando me casei com Linda e segui em frente. 'Por quê?' Ele disse que a faixa do meu álbum 'Three Kingfishers', do meu álbum "Sunshine Superman", de 1966, o lançou em uma direção musical celestial, e então quando eu estava vendendo minha casa, onde muitas das minhas músicas foram escritas, ele queria estar no meu espaço criativo. Faz sentido no estilo Floyd!"

Sobre seu novo álbum, Donovan acrescentou: "David já havia aprendido a voar (ele também escreveu uma música sobre isso) e voou para a Irlanda para a sessão. David trouxe seu roadie de guitarra, que montou dois amplificadores no estúdio, entregou a David sua Strat rosa, e seu som de assinatura único cativou a todos nós."

Gaelia já está disponível para pré-venda.

Via UCR.

Ouça “Rock Me”, de Donovan, com David Gilmour.


TRACKLIST:

1. "Moon Over Clare"
2. "Watching the Sun Go Down"
3. "Glasgow Town"
4. "The Ferryman’' Daughter"
5. "The Chost of Pagan Song"
6. "Where Are You Now"
7. "Living on Love"
8. "The Lake Isle of Innisfree"
9. "Madrigalinda"
10. "Down By the Harbour"
11. "Rock Me"
12. "Lover O’ Lover".

Metallica anuncia novo álbum “72 Seasons”, lança clipe do 1º single e diivulga turnê com 2 shows por cidade

Lux Æterna” integra o trabalho que chegará no dia 14 de abri próximo e será divulgado com inovadora turnê.

A banda Metallica anunciou a chegada de seu próximo álbum, que sucederá “Hardwired… To Self-Destruct” (2016).

Trata-se de “72 Seasons”, material que trará 12 canções distribuídos em 77 minutos de duração.

Em nota, o frontman James Hetfield declarou:

72 estações. Os primeiros 18 anos de nossas vidas que formam nosso verdadeiro ou falso eu. O conceito de que nossos pais nos disseram ‘quem somos’. Uma possível classificação ao redor que tipo de personalidade somos. Acho que a parte mais interessante disso é o estudo contínuo dessas crenças centrais e como isso afeta nossa percepção do mundo hoje. Grande parte de nossa experiência adulta é uma reencenação ou reação a essas experiências de infância. Prisioneiros de infância ou nos libertando das amarras que carregamos.

Assista ao clipe de “Lux Æterna”:


Tracklist:

72 Seasons
Shadows Follow
Screaming Suicide
Sleepwalk My Life Away
You Must Burn!
Lux Æterna
Crown Of Barbed Wire
Chasing Light
If Darkness Had A Son
Too Far Gone?
Room Of Mirrors
Inamorata.


Outra novidade diretamente ligada ao lançamento de “72 Seasons" é a inusitada turnê de divulgação do trabalho, “M72”, que se diferencia por trazer dois concertos por cada cidade que a banda passar, com intervalos de 72 horas, diferentes setlists e distintas bandas de abertura em cada um.

Segundo a organização informou, tais shows terão ingressos com descontos para fãs com até 16 anos de idade e os lucros serão parcialmente destinados à ONG All Within My Hands, mantida por músicos que dão suporte nas áreas de desastres naturais e a carência alimentar decorrentes destes.

A turnê abrangerá cidades da América do Norte e Europa, sem ainda nenhum vislumbre de show em terras sul-americanas, inclusive o Brasil.

Confira:

Europa – primeira etapa

Quinta-feira, 27 de abril de 2023 – Amsterdam NL – Johan Cruijff Arena
Sábado, 29 de abril de 2023 – Amsterdam NL – Johan Cruijff Arena
Quarta-feira, 17 de maio de 2023 – Paris FR – Stade de France*
Sexta-feira, 19 de maio de 2023 – Paris FR – Stade de France
Sexta-feira, 26 de maio de 2023 – Hamburgo DE – Volksparkstadion
Domingo, 28 de maio de 2023 – Hamburgo DE – Volksparkstadion
Sexta-feira, 16 de junho de 2023 – Gotemburgo SE – Estádio Ullevi**
Domingo, 18 de junho de 2023 – Gotemburgo SE – Estádio Ullevi

América do Norte – primeira etapa

Sexta-feira, 4 de agosto de 2023 – East Rutherford, NJ – MetLife Stadium
Domingo, 6 de agosto de 2023 – East Rutherford, NJ – MetLife Stadium
Sexta-feira, 11 de agosto de 2023 – Montreal, QC – Stade Olympique
Domingo, 13 de agosto de 2023 – Montreal, QC – Stade Olympique
Sexta-feira, 18 de agosto de 2023 – Arlington, TX – AT&T Stadium
Domingo, 20 de agosto de 2023 – Arlington, TX – AT&T Stadium
Sexta-feira, 25 de agosto de 2023 – Inglewood, CA – SoFi Stadium
Domingo, 27 de agosto de 2023 – Inglewood, CA – SoFi Stadium
Sexta-feira, 1º de setembro de 2023 – Glendale, AZ – State Farm Stadium
Domingo, 3 de setembro de 2023 – Glendale, AZ – State Farm Stadium

América do Norte – segunda etapa

Sexta-feira, 3 de novembro de 2023 – St. Louis, MO – The Dome at America’s Center
Domingo, 5 de novembro de 2023 – St. Louis, MO – The Dome at America’s Center
Sexta-feira, 10 de novembro de 2023 – Detroit, MI – Ford Field
Domingo, 12 de novembro de 2023 – Detroit, MI – Ford Field

Europa – segunda etapa

Sexta-feira, 24 de maio de 2024 – Munique DE – Olympiastadion
Domingo, 26 de maio de 2024 – Munique DE – Olympiastadion
Sexta-feira, 7 de junho de 2024 – Helsinki FI – Estádio Olímpico
Domingo, 9 de junho de 2024 – Helsinki FI – Estádio Olímpico
Sexta-feira, 14 de junho de 2024 – Copenhague DK – Estádio Parken
Domingo, 16 de junho de 2024 – Copenhague DK – Estádio Parken
Sexta-feira, 5 de julho de 2024 – Varsóvia PL – PGE Narodowy
Domingo, 7 de julho de 2024 – Varsóvia PL – PGE Narodowy
Sexta-feira, 12 de julho de 2024 – Madrid ES – Estadio Cívitas Metropolitano
Domingo, 14 de julho de 2024 – Madrid ES – Estadio Cívitas Metropolitano

América do Norte – terceira etapa

Sexta-feira, 2 de agosto de 2024 – Foxborough, MA – Gillette Stadium
Domingo, 4 de agosto de 2024 – Foxborough, MA – Gillette Stadium
Sexta-feira, 9 de agosto de 2024 – Chicago, IL – Soldier Field
Domingo, 11 de agosto de 2024 – Chicago, IL – Soldier Field
Sexta-feira, 16 de agosto de 2024 – Minneapolis, MN – US Bank Stadium
Domingo, 18 de agosto de 2024 – Minneapolis, MN – US Bank Stadium
Sexta-feira, 23 de agosto de 2024 – Edmonton, AB – Commonwealth Stadium
Domingo, 25 de agosto de 2024 – Edmonton, AB – Commonwealth Stadium
Sexta-feira, 30 de agosto de 2024 – Seattle, WA – Lumen Field
Domingo, 1º de setembro de 2024 – Seattle, WA – Lumen Field
Sexta-feira, 20 de setembro de 2024 – Cidade do México MX – Foro Sol ***
Domingo, 22 de setembro de 2024 – Cidade do México MX – Foro Sol
Sexta-feira, 27 de setembro de 2024 – Cidade do México MX – Foro Sol ***
Domingo, 29 de setembro de 2024 – Cidade do México MX – Foro Sol.

sábado, 26 de novembro de 2022

Pitty e Nando Reis lançam o EP “As Suas, As Minhas e As Nossas”

Show de lançamento acontece no dia 3 de dezembro no Vibra São Paulo e será gravado para um futuro DVD.

Quer anunciar sua banda/artista/eventos/notícias/produtos musicais na Confraria? Mande seu material para confrariafloydstock@gmail.com

Em turnê pelo Brasil desde agosto, o projeto PittyNando cresceu. As apresentações ao vivo foram tão emocionantes, tanto para o público como para os artistas, que Pitty e Nando Reis decidiram gravar 5 músicas em estúdio. O EP “As Suas, As Minhas e As Nossas” (Deck) chega aos aplicativos de música na próxima quinta-feira (1/12) e, para marcar o lançamento, eles se apresentam no Vibra São Paulo no dia 3 de dezembro. A data se torna ainda mais especial porque será feito o registro audiovisual do show para edição de álbum ao vivo e DVD em 2023.

Titãs: integrantes e ex-integrantes confirmam shows com todos reunidos.

O repertório do EP, assim como o do show, traz versões completamente novas de sucessos que foram revisitados, ganhando arranjos bem diferentes dos originais a partir de uma pesquisa minuciosa. “Primeiro fiz um setlist gigantesco com todas as minhas músicas e as do Nando. Depois fomos observando quais eram as músicas que combinavam mais e que as pessoas gostariam de ver a gente cantando junto e, principalmente, que músicas se mesclavam umas às outras de forma orgânica. Então o público vai ouvir no EP, assim como no show, canções que são conhecidas, mas de uma forma que nunca escutaram antes” – conta Pitty, que assina a produção do EP em parceria com Paulo Kishimoto.

"Esse projeto é uma alegria intensa que irradia do palco e agora das músicas gravadas nesse EP. Ficamos muito felizes em poder registrar algumas das canções tocadas na turnê e a inédita 'PittyNando’, que além de ser nossa primeira parceria, traduz bem o espírito, que não é nem Pitty nem Nando e sim a junção de nossos trabalhos e de nossa forma de fazer música” – comenta Nando Reis.

Além da parceria “PittyNando” (Pitty/ Nando Reis), composta durante a turnê, “Os Cegos do Castelo” (Nando Reis), “Temporal” (Pitty), “Luz dos Olhos” (Nando Reis) e “Na Sua Estante” (Pitty) são as canções que compõe o EP.

Pitty e Nando são acompanhados pela banda formada por Martin Mendonça (guitarra), Daniel Weksler (bateria), Paulo Kishimoto (lap steel e percussão), Felipe Cambraia (baixo) e Alex Veley (teclados).

Serviço:

Show: Pitty e Nando Reis - Lançamento do EP "As Suas, As Minhas e As Nossas"

Data: 3 de dezembro (sábado)

Horário: 22h

Local: Vibra São Paulo

Endereço: Av. das Nações Unidas, 17955 - Vila Almeida -  São Paulo/SP

Ingressos: A partir de R$ 60

Compra de ingressos: https://uhuu.com/evento/sp/sao-paulo/pitty-e-nando-turne-as-suas-as-minhas-as-nossas-10712

Classificação: Livre (menores de 16 anos acompanhados de pais ou responsáveis)

Ficha técnica

Criação: Pitty e Nando Reis

Direção geral e artística: Pitty

Direção musical: Pitty e Paulo Kishimoto

Direção de arte: Tito Sabatini

Videos: Fabrizio Martinelli e Otavio Sousa

Realização: Setevidas, Relicário e Elemess.