Confraria Floydstock: freddie mercury
Mostrando postagens com marcador freddie mercury. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador freddie mercury. Mostrar todas as postagens

quinta-feira, 22 de setembro de 2022

Retratos feitos com Inteligência Artificial mostram como seriam hoje John Lennon, Jimi Hendrix, Kurt Cobain e outros

Intitulado “As If Nothing Happened”, os retratos incluem também Freddie Mercury, Elvis Presley, etc.

Em uma nova série de retratos de celebridades, um fotógrafo imaginou como alguns dos maiores nomes do mundo da guitarra seriam se ainda estivessem vivos em 2022.

Você já se perguntou como John Lennon, Kurt Cobain ou Jimi Hendrix seriam se ainda estivessem por aí hoje? O fotógrafo Alper Yesiltas tentou responder a essa pergunta, criando uma série de imagens intituladas "Como se nada acontecesse".

Usando a tecnologia de AI, o artista adaptou artificialmente fotos de alguns dos guitarristas mais famosos de todos os tempos, gerando um retrato de como ele acha que eles ficariam se não tivessem falecido prematuramente.

Com o desenvolvimento da tecnologia de AI, fiquei empolgado por um tempo, pensando que ‘qualquer coisa imaginável pode ser mostrada na realidade'”, escreveu Yesiltas no post original, descrevendo por que ele buscou o projeto. “Quando comecei a mexer com tecnologia, vi o que podia fazer e pensei no que me faria mais feliz. Eu queria ver algumas das pessoas que eu perdi novamente na minha frente e foi assim que esse projeto surgiu.

A parte mais difícil do processo criativo para mim é fazer com que a imagem pareça ‘real’ para mim”, continua ele a escrever. “O momento que mais gosto é quando acho que a imagem à minha frente parece muito realista, como se tivesse sido tirada por um fotógrafo.

Músicos como Janis Joplin, Freddie Mercury, Michael Jackson e Elvis Presley também estão incluídos na gama de retratos, além de rostos famosos do mundo do cinema, como Heath Ledger e Bruce Lee.

Explicando como ele renderizou as dez imagens usadas no projeto, Yesiltas afirma que usou software, incluindo o aprimorador de fotos AI Remini e os programas de edição de fotos VSCO e Adobe Lightroom.

Em outra parte de seu post inicial, o criador também admite que pretende estender o projeto no futuro, possivelmente sob o novo título de Life in 2050.

Via GUITAR.COM

Veja abaixo no trabalho de  Alper Yesiltas, como seriam hoje John Lennon, Kurt Cobain, Freddie Mercury, Elvis Presley e Janis Joplin, além de Jimi Hendrix no início desta matéria.

 

Veja a coleção completa de retratos no post do fotógrafo.

terça-feira, 14 de junho de 2022

Queen: Assista Brian May chorar após dueto com "holograma" de Freddie Mercury

O guitarrista se emocionou após entoar "Love Of My Life" com imagem de seu saudoso amigo.

Em todos os shows de Queen e Adam Lambert em sua bem-sucedida Rhapsody Tour, o guitarrista Brian May tem feito um dueto com uma ilusão de ótica do falecido frontman da banda, Freddie Mercury. Mas durante uma apresentação recente na O2 Arena de Londres, May pareceu emocionado e foi flagrado enxugando uma lágrima.

O momento foi capturado pelo usuário do TikTok @impsk77.

Na filmagem, Brian May está tocando as notas finais da balada de cortar o coração "Love Of My Life", de "A Night At The Opera" de 1975, e quando a música chega ao fim, ele aplaude e se curva para Mercury, antes de chorar.

A ilusão de Freddie Mercury foi construída usando imagens de arquivo do cantor tocando a música durante o show da banda em Wembley em 12 de julho de 1986.

Embora a inclusão do holograma representando o frontman possa não ser uma novidade, o Queen utilizou pela primeira vez a tecnologia (que na verdade funciona mais como uma "ilusão de ótica" em vez de um holograma) em 2012 para comemorar o 10º aniversário do "We Will Rock You", musical em Londres, nunca deixa de tocar as cordas do coração tanto do público quanto dos próprios membros da banda. Afinal, Mercury, que morreu de AIDS em 1991, era tanto um ícone quanto um amigo querido de seus companheiros de banda.

Após o uso inicial do holograma em 2012, a banda falou sobre como eles estavam desconfortáveis com a ideia de usá-lo novamente em turnês.

Brian May comentou anteriormente à Classic Rock: "Eu não quero estar em turnê com um holograma. Faz você se sentir como peças de museu, e não somos fósseis, estamos vivos".

Via LOUDERSOUND.

Assista à filmagem abaixo:

@impsk77 Queen and Adam Lambert, and a bit of Freddie too 😍#JDSummerDrip #queen #rhapsodytour #brianmay ♬ original sound - Impsk