Confraria Floydstock: acoustic
Mostrando postagens com marcador acoustic. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador acoustic. Mostrar todas as postagens

sexta-feira, 29 de julho de 2022

Eleine libera clipe de "All Shall Burn", canção de seu novo EP acústico; assista

"All Shall Burn" integra "Acoustic In Hell", novo EP acústico da banda sueca Eleine, que chegará no dia 14 de outubro próximo, via Atomic Fire.

Em nota, a gravadora discorreu sobre o trabalho:

"Uma boa música é uma boa música. Deve funcionar em qualquer roupagam em que seja colocada - desde o rock de estádio inflado até o cenário acústico mais íntimo. A banda sueca de metal dark sinfônico ELEINE internalizou esse pequeno pedaço de sabedoria e o incorporou profundamente em sua integridade artística. Realmente não há outra maneira de explicar a mudança sem esforço entre seu lado bombástico e o aspecto acústico profundamente cativante de seu novo EP de 8 faixas "Acoustic in Hell".

Pela primeira vez em sua carreira estelar, ELEINE desliga os amplificadores para criar uma experiência musical totalmente nova, não por coincidência, bem a tempo de sua tão esperada turnê acústica com os veteranos do metal Sonata Arctica. "Nós nunca tínhamos feito versões acústicas de nossa música, então é definitivamente um desafio", diz a cantora Madeleine com um sorriso. "O mais importante nessas versões foi manter a essência do metal, manter as músicas autênticas e cruas. Nossa música tem peso e você tem que ter cuidado para não soar muito produzido e enjoativo", acrescenta Rikard.

Gravado ao longo de uma semana em janeiro de 2022 no estúdio The Panic Room de seu bom amigo Thomas "Plec" Johansson em Skara, "Acoustic in Hell" é aprimorado por uma excelente performance de Madeleine Liljestam, que gravou suas faixas vocais inteiras em um enorme três horas, ou melhor dizendo: exorcizado? ELEINE pode ter deixado suas guitarras distorcidas, esplendor sinfônico e bateria trovejante na antecâmara deste álbum. O que é ainda mais incrível é que eles conseguiram criar um mundo sonoro totalmente novo, mantendo-se fiel ao seu Dark Symphonic Metal original, que continuará a se apaixonar por milhares nos próximos anos. Esta estrela está apenas nascendo."

PRÉ-VENDA.

Assista ao clipe de "All Shall Burn" no player abaixo:

Tracklist:

1. Whisper My Child

2. Enemies

3. Memoriam

4. Ava Of Death

5. All Shall Burn

6. Death Incarnate

7. Break Take Live

8. Hell Moon.

terça-feira, 17 de agosto de 2021

Monica Possel, da Hamen, canta e toca em música-tema de The Witcher

A cantora e compositora Monica Possel, conhecida por seu trabalho à frente da Hamen, banda de power metal sinfônico de Santa Catarina, homenageia a série e o jogo The Witcher com uma versão acústica de “Toss a Coin to Your Witcher”, que ficou famosa na trilha sonora da série na Netflix. Esta é a primeira vez que a artista mostra seus talentos também no violão acústico, que a acompanha na música. 

Quer anunciar sua banda/artista/eventos/notícias/produtos musicais na Confraria? Mande seu material para confrariafloydstock@gmail.com

Queria muito gravá-la, mas eu queria produzir ela do zero. Tinha pedido para o Cadu Puccini (guitarrista da Hamen) gravar o violão, mas por causa de agendas, principalmente da Hamen, ele não conseguiu. Foi quando eu ouvi novamente e pensei que seria possível tocá-la eu mesma. Foi então que começou a minha saga de voltar a tocar violão e tirar a música.”, relembra Monica Possel.

Sendo uma música muito especial para a artista, que também realizou toda a produção da faixa, ela buscou um cenário diferente dos vídeos anteriores do canal. Assim ela encontrou esta locação do vídeo, que fica no interior de Santa Catarina, e foi gravado no inverno num dia frio ao pôr do sol.

Fã da série de jogos The Witcher, Monica Possel também acabou tornando-se fã da série, que terá a segunda temporada com estreia marcada para 17 de dezembro na Netflix.

Joguei no PC antes de lançarem a série, Também assisti a série e curti muito a música-tema, e muitos amigos meus pediram pra fazer o cover dela. Principalmente um colega meu do trabalho que praticamente todos os dias me pedia. Eu dizia que assim que conseguisse tirá-la no violão iria gravar. Foi durante a pandemia que tive mais horas para treinar violão novamente e consegui gravar.”, conta Monica.

Baseado na série de livros Wiedźmin, do escritor polonês Andrzej Sapkowski, o jogo RPG The Witcher se passa em um mundo de fantasia medieval e segue a história de Geralt de Rívia, um dos últimos bruxos restantes na Terra. Caçador de monstros e andarilho, o personagem principal possui capacidades físicas sobrenaturais e passa por diversas quests que contam com um sistema de “escolhas morais” que alteram o enredo do jogo. A série estreou na Netflix em 2019 e traz Henry Cavill como o intérprete de Geralt.

A canção conta com Monica Possel (voz, violão, produção musical e roteiro), Alexandre Pedro (mixagem, masterização e edição) e Fernanca Schenker (guitarra).

A vocalista Monica Possel é uma cantora soprano de Joinville, em Santa Catarina, com mais de 10 anos de experiência. Frontwoman e principal letrista da banda Hamen, de power metal sinfônico, ela traz em seu currículo a atuação como soprano no Coro de Câmara do Conservatório Villa-Lobos, da Casa da Cultura de Joinville, e com a banda Hamen lançou o EP "Altar" (2015) e o álbum debut, "Unreflected Mirror" (2018). No ano de 2020, a cantora foi agraciada com o prêmio Best Operatic Vocals” (Melhor Vocal Operístico, em tradução livre), pelo site europeu FemMetal. Nesta ocasião a artista foi a única latinoamericana indicada, desbancando vozes femininas da Europa e América do Norte.

Com oito anos de carreira, a Hamen traz em sua discografia o EP “Altar” (2015) e o disco de estreia, “Unreflected Mirror” (2018), que contou com participação especial de Marcelo Barbosa (Angra). De lá para cá, a banda participou de coletâneas internacionais e festivais online durante a pandemia, se tornando uma das representantes do power metal sinfônico brasileiro. Liderada por Monica Possel (voz) o grupo também conta com Cadu Puccini (guitarra).

Assista “Toss a Coin to Your Witcher”:

sexta-feira, 23 de abril de 2021

Sandyalê traz aura de David Bowie em versão eletroacústica de Bruta

Em meio à Trilogia do Desapego, em quem a cantora pop sergipana Sandyalê mostra diferentes formas de amor e amar em inéditos e temáticos videoclipes, o selo Toca Discos lança a faixa eletroacústica na verve David Bowie de 'Bruta', um hit do último disco da artista ("Árvore Estranha", 2019).

Quer anunciar sua banda/artista/eventos/notícias/produtos musicais na Confraria? Mande seu material para confrariafloydstock@gmail.com

Ouça Bruta acústica aqui: https://spoti.fi/3vf5Qk9.

David Bowie e Gorillaz são as referências para esta ousada e empolgante versão de 'Bruta', que junto à voz de Sandyalê tem Pedro Fonseca no piano (da banda do Chico Chico e João Mantuano) e o produtor Felipe Rodarte (Toca do Bandido) no violão.

E não à toa 'Bruta' foi a escolhida para uma versão acústica. Segundo Sandyalê, é uma das músicas que o seu público mais interage e pede nos shows, muito dançante e recheada de sintetizadores na versão do "Árvore Estranha".

"Versões acústicas sempre trazem mais para perto, têm a ideia de trazer uma versão mais íntima e foi essa a nossa ideia com Bruta. Ela surgiu da versão da pré-produção que fiz com Dudu Prudente, produtor do Árvore Estranha, porque ela era meio num formato acústico, com violão e batidas", revela a cantora.

Rodarte explica que a intenção era trazer à tona a versatilidade de Sandyalê. "Tenho ela como uma artista plural, é um camaleão, com uma força na interpretação na forma de cantar e versatilidade no que faz".

Trata-se de uma música de impacto, que traz o empoderamento da música: bruta e, ao mesmo tempo, um diamante, crava Rodarte. "Traz em 'Bruta' a fala da mulher que sabe o que sente, controla seus desejos e da necessidade de se conhecer, sabendo muito bem das limitações de todos".

Sobre Sandyalê:

É cantora e compositora de Aracaju (Sergipe). Em outubro de 2019 lançou seu segundo disco, “Árvore Estranha”, o álbum foi produzido por Dudu Prudente e apresenta uma atmosfera new wave, baseada em baterias eletrônicas, sintetizadores e samplers.

Sob forte influência de Fiona Apple, Kraftwerk e das francesas Fishbach e Charlotte Gainsbourg, “Árvore Estranha” fala de solidão e saudade, ao mesmo tempo que aborda o empoderamento e o amor, sobretudo o amor-próprio.

Em 2014, aos 23 anos, Sandyalê lançou seu primeiro álbum, “Um no Enxame”, onde explorou timbres orgânicos do reggae, da música regional e da MPB aliados ao trip-hop.

Vocalista do Sirenia entoa "Bridge over troubled water", canção de Simon and Garfunkel; assista

Emmanuelle Zoldan, frontwoman do Sirenia entoara o mega sucesso do duo Simon and Garfunkel "Bridge over troubled water"

Sirenia lança lyric video de "This Curse Of Mine", canção de seu novo álbum; assista.

Sirenia: entrevista exclusiva com a vocalista Emmanuelle Zoldan / exclusive interview with vocalist Emmanuelle Zoldan.

"Caríssimos...

Para comemorar o fim de semana que está chegando, divido com vocês o último cover que gravei. "Bridge over Troubled Water" de Simon e Garfunkel é uma música que significa muito para mim, e que me lembra memórias muito boas do passado, como uma jovem cantora. (e especialmente esse arranjo que ouvi de Noa e Maurane em um programa de TV francês, algo como ... 20 anos atrás).

Apenas violão e voz.

Dedicada a todos os meus amigos, este cover como uma “canção de abraço”, só para te dizer “Estou aqui e te amo”. Espero que gostem" - declarara a cantora sobre o vídeo.

Assista no player abaixo: