Confraria Floydstock: Iron Maiden: Bruce Dickinson perde a paciência com fã por usar sinalizador em show na Grécia

segunda-feira, 18 de julho de 2022

Iron Maiden: Bruce Dickinson perde a paciência com fã por usar sinalizador em show na Grécia

"O que eu estou vendo? Um babaca com um sinalizador!"

Bruce Dickinson nunca foi um homem de esconder seus verdadeiros sentimentos sobre qualquer assunto, e o vocalista do Iron Maiden não perdeu tempo em arrancar um novo fã de um show na Grécia na noite de sábado, 16 de julho.

O show, que aconteceu no Estádio Olímpico de Atenas, foi a última parada da épica turnê Legacy Of The Beast do Maiden, que finalmente começou no início deste verão depois de uma pausa de três anos induzida pela pandemia (uma pausa que também incluiu a chegada de seu décimo sétimo álbum de estúdio, "Senjutsu").

Perto do final do set principal, quando o Maiden entoou o hino "The Number Of The Beast", Dickinson se opôs claramente a um fã acendendo um sinalizador na multidão, cortando suas próprias letras para repreendê-los com alguma linguagem bastante, hum, desagradável. "O que eu vi?" Dickinson canta em algumas imagens capturadas do momento que já foram enviadas para o Youtube, acrescentando enquanto assiste ao sinalizador: "Um babaca com um maldito sinalizador!"

"Eu tenho que cantar aqui!" ele continua, rotulando o fã como um "chupador de pau" e um "fdp grego". "Eu tenho que cantar, porra, certo?" ele diz novamente, antes de terminar com um caloroso "Foda-se!" Dickinson parece não continuar cantando a letra de "The Number Of The Beast" nesse ponto, embora o Maiden tenha terminado a música e, finalmente, o resto do set.

O Iron Maiden continua a turnê Legacy Of The Beast pela Europa este mês antes de chegar aos EUA, Canadá, México e América do Sul nos meses seguintes. Se você estiver assistindo a algum desses shows, pode ser aconselhável deixar os sinalizadores em casa.

Via CLASSIC ROCK.

Assista à filmagem de Bruce deitado no ventilador que carrega o sinalizador.

Nenhum comentário:

Postar um comentário